Uma jovem foi agredida com um banco na cabeça após beijar a namorada, próximo a um bar no Centro de São Vicente, na madrugada da última segunda-feira (20). A agressão partiu de um homem, que chegou a discriminar o casal. O caso é investigado pela Polícia Civil. 





De acordo com a namorada da vítima, que preferiu não se identificar, o caso ocorreu quando elas estavam sentadas bebendo em um banco em frente ao estabelecimento, quando o suspeito chegou e começou a falar com as duas. O casal continuou ali, pois não achou que algo pudesse acontecer. 





“Quando minha namorada me deu um beijo, ele começou a fazer comentários nojentos como, ‘o bom é que compra 1 e leva 2’ e ‘tem lugar pra vocês fazerem isso, vão pra casa’, sendo que nós não estávamos nos agarrando. Foi só um beijo e continuamos conversando”, explica. 





Em seguida, o homem falou que ia “puxar a cinta” para as duas, e que a essa geração “era uma merda”. Nesse momento, ela começou a gravar, e flagrou o momento exato em que o homem arremessa o banco, que pega na cabeça de sua namorada. 









As duas chegaram a acionar a polícia, mas o dono do estabelecimento, segundo a jovem, fechou o bar, as deixando sozinha ali. “Acabamos indo pra casa com medo”, relata. Elas procuraram o Hospital Municipal de São Vicente no dia seguinte, assim como a Polícia Civil, no 1ª DP da cidade, onde o caso foi registrado. 





“O sentimento é de medo porque tudo ocorreu perto de casa. Estamos com medo de sair na rua. Agora parece que todo mundo vai fazer a mesma coisa com a gente”, finaliza a jovem.