Chamamento para estudos que viabilizam túnel Santos-Guarujá gera expectativa no setorReprodução

PORTO DE SANTOS - O chamamento público para a apresentação de projetos para a construção do túnel que ligará Santos a Guarujá animou o setor portuário. Agora, a expectativa é para saber se a ligação seca será administrada por uma parceria público-privada (PPP) ou se o projeto estará incluso no plano de desestatização do Porto de Santos.

Segundo o diretor de assuntos portuários do sistema Santa Cecília de Comunicação, Casemiro Tércio de Carvalho, na época em que ele atuou como presidente da Autoridade Portuária, foi quando começou-se a discutir sobre a ligação seca, tanto pela ponte quanto pelo túnel, que acabou se mostrando uma alternativa viável.

“Naquela época, eu estava à frente da Companhia, e os dois projetos estavam postos à mesa, e os problemas de cada um e as dificuldades, e está aqui o resultado: a publicação de um chamamento para atualizar esse projeto e ir adiante. O projeto irá para concessão ou por meio de uma parceria público-privada, ou por meio da desestatização do Porto. O mais importante é que a Autoridade Portuária e o Ministério da Infraestrutura abraçaram o projeto e ele saiu do ponto das discussões para o primeiro passo da implantação dessa ligação seca tão esperada pela Baixada Santista”, diz.

Tércio ainda ressalta que, após a manifestação de interesse por parte de alguma empresa em apresentar um projeto, o prazo é de 120 dias para a aprovação. “Esse chamamento está aberto, então a qualquer momento um grupo construtor pode protocolar sua intenção de estudar. Uma vez protocolado, você tem 120 dias para apresentar os estudos. A Autoridade Portuária recepcionando esses estudos, vai avaliar e seguir adiante com um processo de ppp ou incluir na modelagem da desestatização do Porto de Santos”.

Túnel

A Santos Port Authority (SPA) lançou nesta terça-feira (6) edital de chamamento público para doação de projetos visando à implantação e gestão do túnel submerso ligando Santos e Guarujá. As autorizações emitidas pela SPA devem ser publicadas no site do Porto de Santos no prazo de até 15 dias após o recebimento dos requerimentos. Uma vez autorizados, os participantes terão 120 dias para apresentar suas concepções à Autoridade Portuária.

Clique aqui para acessar o edital e seus anexos.

Debate de relevância

O diretor-geral do Sistema Santa Cecília de Comunicação, Marcelo Teixeira Filho, comemorou o novo passo em direção à viabilização do túnel. "Foi uma decisão extremamente importante para o desenvolvimento da nossa região, um assunto que já é debatido há mais de 100 anos com falsas promessas, mas a felicidade maior é saber que o Sistema Santa Cecília de Comunicação, uma emissora regional ligada à universidade, ao centro de estudos e de ensino, participou efeitvamente dessa construção", disse.

Ele também lembra que a construção da ligação seca irá impactar toda a Baixada Santista. "A gente fica muito feliz como munícipe de saber que a nossa região está sendo desenvolvida da melhor forma possível, e principalmente como dirigente do Sistema Santa Cecília de Comunicação, a nossa família, todo o nosso grupo, os nossos funcionários, reafirmam esse compromisso de uma emissora regional de estar participando e dialogando de todos os assuntos metropolitanos e tendo a certeza de que todos os assuntos debatidos saem da melhor forma possível pro desenvolvimento regional".

Segundo ele, esse é o compromisso e responsabilidade do Sistema de Comunicação: promover debates de impacto e relevância. "Nossos funcionários, nossos colaboradores, meu grande abraço e parabenizo. Porque certamente se não fosse o compromisso do jornalismo regional, que nós temos na nossa emissora, certamente, não seria possível toda essa construção elaborada no primeiro Fórum Porto e Negócios".