Mulher desaparecida em Praia Grande publica vídeo explicando sumiçoReprodução

PRAIA GRANDE - A pastora Priscila Rodriguez da Silva, de 34 anos, que estava desaparecida desde o dia 8 de fevereiro, em Praia Grande , publicou um vídeo usando a conta nas redes sociais de uma amiga para dizer que está bem. Ela saiu de casa sem avisar a família e amigos, junto dos filhos de 4 e 15 anos.

No vídeo, a pastora conta que a decisão foi consciente, e ela não teve um surto, conforme dito por seu marido para justificar o desaparecimento. Ela ainda revelou ter se mudado de cidade e pediu desculpas por ter preocupado familiares e amigos.

Sem dar maiores detalhes sobre o motivo do desaparecimento, ela conta que não está mais morando em Praia Grande. “Eu não estou desaparecida. Eu simplesmente decidi mudar de cidade, decidi mudar de endereço, então eu me mudei de praia grande, vim para outra cidade. O que eu quero deixar claro para todos é que decidi ter opinião própria, ter determinação, porque foi isso que aconteceu”, conta.

Ela ainda completa dizendo que saiu apenas com os filhos e uma mochila de roupas, com o propósito de cuidar mais de si mesma. “Eu sempre fui uma mulher que acolheu os outros, mas em 2021 eu observei que eu precisava ser cuidada, precisava ser tratada, porque eu cuidava de tudo e de todos, mas eu não estava sendo cuidada”, desabafou.

Priscila ainda disse que excluiu seus perfis nas redes sociais e não pretende voltar para elas. “Não quero mais estar nas redes sociais, só quero cuidar de mim e dos meus filhos. Essa decisão foi minha, consciente, e não surtada. Super consciente. O que eu quero deixar aqui é a paz e a tranquilidade a todos aqueles que ficaram preocupados comigo e com meus filhos”.

Por fim, ela pediu que as pessoas respeitem essa decisão e que não julguem. “É mais fácil entender e respeitar a opinião de cada um”, finaliza o vídeo.

Ao #Santaportal , o marido de Priscila, Dailton Rodriguez, disse que registrou um boletim de ocorrência por desaparecimento. Ele também revelou que a mulher passava por problemas com a família. 

Segundo o marido, não houve briga entre o casal que motivasse a saída de Priscila de casa. Ele disse que chegou a falar com ela pelo telefone neste domingo (21), e que entendeu que ela precisa de um tempo para se cuidar.