Datena chama prefeita de Praia Grande de ‘incapaz’ após ela recusar entrevistaReprodução

POLÊMICA - Durante um programa de rádio, o jornalista José Luiz Datena criticou a prefeita de Praia Grande, Raquel Chini (PSDB) quando ela recusou dar uma entrevista a respeito do caso da “vacina de vento”, que não foi aplicada corretamente em uma idosa de Praia Grande. Datena disse que a prefeita é “incapaz, despreparada e pode estar acobertando um crime”. O programa foi ao ar nesta sexta-feira (19).

Chini preferiu desligar o telefone na cara do jornalista quando foi questionada sobre o enfermeiro não ter aplicado a vacina contra a covid-19 em um posto de saúde da prefeitura. 

Durante o programa, Datena disse que Raquel “Está fazendo parte de uma ação criminosa de um cara que diz que aplicou uma vacina numa senhora de idade que não aplicou. Então a senhora merecia sanção, deveria ser impichada do cargo que tem, porque a senhora está fazendo parte de um crime gravíssimo”.

A prefeita rebateu dizendo que a assessoria de imprensa da prefeitura de Praia Grande já havia respondido à imprensa por meio de uma nota. O jornalista insistiu em uma resposta, momento em que a prefeita desligou o telefone.

Datena reagiu chamando a prefeita de mal educada. “Azar da Praia Grande ter uma prefeita como a senhora. É um azar desgraçado da cidade. Eu tenho pena do povo da Praia Grande, que é um lugar maravilhoso que eu sempre fui. Eu conheci o mar na Praia Grande com 15 anos de idade. Eu nuca mais passo por aí com uma prefeita como a senhora por aí. Não passo nem perto daí. E eu espero que o MP e a Justiça não só vão atrás desse enfermeiro, mas da senhora também, isso é caso de polícia”, disse.

Raquel usou as redes sociais para responder o apresentador. Em publicação no Facebook, ela disse:

Que pessoa desagradável e mal educada. Não lhe dei intimidade, tampouco o número do meu telefone. Estar “Repórter” da Rádio Bandeirantes não qualifica você como prioridade na minha agenda ou lhe dá o “direito” de interromper uma reunião de trabalho, respeito e educação cabem em qualquer profissão e situação, senhor Agostinho Teixeira!”