Pontos de alagamento são registrados em Santos e São Vicente; veja vídeoCarlos Lopez

ALAGAMENTO – A chuva que começou a cair na região na madrugada desta quarta-feira (13) causou alagamentos em Santos e São Vicente. As consequências envolvem difícil acesso a ruas específicas e mudanças no tráfego. No entanto, nenhuma ocorrência foi registrada.

Em nota, a CET-Santos informou que a Avenida Nossa Senhora de Fátima está alagada em todas as faixas nos dois sentidos junto a Rua Particular Ana Santos, o que está impedindo a passagem de veículos de passeio. O desvio do sentido São Vicente/Santos acontece pela Rua Júlia Ferreira de Carvalho e no sentido Santos/São Vicente pelo Jardim Piratininga. Além disso, a Praça Washington também está com alagamento, por isso os veículos devem desviar pela Rua Guilherme Álvaro.

Já em São Vicente, a Prefeitura informou que há pontos de alagamento em ruas do Centro, Jóquei Clube, Parque São Vicente, Cidade Náutica, Catiapoã, Jardim Guassu, Vila Fátima e Vila Margarida.

Demais cidades da região

A equipe de reportagem do #Santaportal entrou em contato com outras cidades da Baixada Santista para saber sobre os alagamentos.

A Prefeitura de Praia Grande informou, por meio da Defesa Civil, que não houve ocorrências em decorrência da chuva desta madrugada (13). A sinalização viária não apresentou problemas e eventuais pontos de acúmulo de água foram escoados pelo sistema de drenagem municipal. O órgão informa ainda que equipes estão de prontidão 24 horas por dia acompanhando a incidência das chuvas e pede ainda que a população entre em contato, caso note algum problema neste sentido, através dos telefones 199 e 153.

A Defesa Civil de Guarujá informou que o acumulado de chuvas das últimas 24 horas foi de 4,8 mm. Já o das últimas 72 horas foi de 5,9 mm. O acumulado mensal até o presente momento é de 144,9 mm. Até o momento não houve registro de ocorrências.

Segundo a Defesa Civil de Mongaguá, nas últimas 72 horas, o acumulado foi de aproximadamente 9mm. Não foram registradas ocorrências ou pontos de alagamento.

A Defesa Civil de Bertioga informou que não houve chamado durante a noite ou madrugada. O acumulado de chuva nas últimas 72 horas é de 20,52 mm e em 24 horas é de 20,52 mm.

De acordo com a Defesa Civil de Cubatão, começou a chover no município apenas no início da manhã desta quarta-feira (13). Portanto, não houve ocorrências e significativa informação de acumulado, visto que as precipitações seguem de forma moderada.

Conforme com o Departamento de Defesa Civil Municipal de Cubatão, não foi registrada nenhuma ocorrência de deslizamentos e acidentes, nem pontos de alagamento.