Motociclista é atacado a facadas por travestis no Centro de SantosReprodução
SANTOS - Três travestis foram presas em flagrante após tentarem matar um motociclista de 42 anos, na manhã desta sexta-feira (18), no Centro de Santos. O crime ocorreu na Rua Martim Afonso, próxima ao Palácio da Polícia.

De acordo com informações da Polícia Civil, o condutor da moto trafegava pela esquina da Martim Afonso com a Avenida São Francisco, por volta das 9h30, quando buzinou para conseguir passar pela via, que é estreita. Ele teve uma rápida discussão com as travestis.

Irritadas após terem sido agredidas por integrantes de um caminhão de cocos, que jogou o fruto contra elas, as travestis perseguiram o motociclista pela Martim Afonso e o atacaram quando ele diminuiu a velocidade ao se aproximar do semáforo da Rua Amador Bueno.

De acordo com a vítima, uma das travestis, de 27 anos, o empurrou da moto e ele caiu. A segunda suspeita, de 19 anos, acertou chutes nele. Já a terceira travesti, de 21 anos, tentou atingi-lo no peito com um canivete. Ele tentou se defender levantando os braços, mas acabou sendo ferido gravemente.

O condutor da motocicleta foi socorrido pelo Samu no saguão do Palácio da Polícia e está internado na Santa Casa de Santos.

Enquanto isso, as suspeitas foram presas em um hotel que fica perto do local do crime. Em um dos quartos, foi apreendido o canivete usado por uma das agressoras.

A travesti de 27 anos já era procurada da Justiça, enquanto a segunda suspeita, de 21 anos, assumiu ser a dona do canivete e alegou ter agido em legítima defesa.