Encanador é chantageado e perde R$ 2 mil após trocar mensagens íntimas com mulher por aplicativoMarcello Casal Jr./Agência Brasil

POLÍCIA - Um encanador de 56 anos, que mora em São Vicente, está sendo vítima de ameaças por parte de criminosos, após troca de mensagens íntimas com uma mulher.

Segundo informações da Polícia Civil, o contato entre o homem e a mulher começou através do Facebook e, dias depois, os dois começaram a conversar pelo WhatsApp. O encanador chegou a enviar fotos íntimas para ela, porém depois disso, ele passou a ser ameaçado. Os suspeitos do crime começaram a extorquir dinheiro da vítima, ameaçando divulgar o conteúdo das conversas, inclusive as fotos, na web.

O encanador, que é casado, também contou para a polícia que um homem, dizendo ser o padrasto da mulher, exigiu dinheiro para não denunciá-lo, alegando que a sua enteada seria uma jovem de apenas 14 anos de idade.

O homem fez dois depósitos, que somados chegam a R$ 2 mil, para os criminosos. Depois disso, ele não recebeu mais ameaças dos suspeitos. No entanto, a vítima temia por novas ameaças e, por isso, resolveu procurar a Polícia Civil.

O caso foi registrado como crime de extorsão na Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Santos. A ocorrência foi encaminhada para investigação pela equipe do 3º DP de São Vicente.