11 anos sem o ‘Rei do Pop’Reprodução

MÚSICA - No dia 25 de junho de 2009, o mundo se despedia do um dos maiores artistas que já existiu, Michael Jackson. A notícia foi confirmada no Brasil pelas 20h30 da noite e no dia seguinte era possível ver todos os tipos de homenagem. Michael nasceu em agosto de 1958 em uma cidadezinha de Indiana, nos Estados Unidos. Não demorou para que o talento fosse descoberto, logo quando criança já cantava com a banda familiar Jackson 5.

Dono de um talento exuberante e hits que marcaram épocas, como Thriller, Billie Jean e They Don’t Care About us. Essa última, é especial para os fãs brasileiros, já que foi gravado no Pelourinho, na Bahia e na comunidade de Santa Marta, no Rio de Janeiro. A morte do cantor foi causada após uma parada cardíaca enquanto o mesmo estava em casa. Quando os paramédicos chegaram, já o encontram sem respirar.

Michael também foi alvo de diversas polémicas, em vida e até depois da declaração de óbito. Muitos acreditam que até hoje o cantor está vivo e se escondendo das mídias. As suposições estão por toda a parte, mas para os fãs, o que importa é deixar o legado do astro vivo. Michael morreu antes de voltar aos palcos com a turnê “This is It”, a mesma em que ele havia anunciado no mesmo ano. Para matar a saudade, hoje às 20h, os fãs irão poder assistir a live “Tributo ao Rei do Pop”, feita pelo Rodrigo Teaser.