Hostel é opção mais barata de hospedagem para o CarnavalDivulgação

SANTOS - Para os viajantes que preferem um ambiente menos formal e não se importam em dormir em quartos coletivos, sejam eles mistos ou não, os hostels costumam ser uma opção mais econômica do que hotéis e pousadas. Além de ser um lugar ideal para fazer novas amizades e aproveitar melhor a viagem, os preços são bem convidativos.

Na Europa eles são bastante populares, no Brasil estão ganhando cada vez mais adeptos e, na região, também. O primeiro estabelecimento na cidade foi o Santos Hostel, aberto há 5 anos e meio. "Sempre gostei de viajar e ficava em hostel, achei que a cidade deveria ter um", afirmou Leandro Borges, o proprietário. Localizado no bairro da Encruzilhada , o local possui setequartos e 43 leitos, destaque para as áreas comuns da casa que proporcionam maior integração entre os hóspedes.

Para o Carnaval o pacote sai de R$ 300 a R$ 500 por cinco dias. Outra opção é o recém-inaugurado Rolds Hostel, no bairro do Jose Menino. A casa mantem detalhes arquitetônicos da década de 50, conta com cinco quartos temáticos e 28 leitos.Para quem quer mais privacidade, também é possível optar por quartos individuais. Nesta época de carnaval um pacote especial foi criado para receber os turistas. A diária, que inclui café da manhã sai por R$ 90 ( quartos coletivos).

Já, o quarto privado varia entre R$ 180 e 250 reais. O preço da diária é em média três vezes mais barato do que uma diária em um hotel. Foi um grande desafio montar esta casa com a crise que estamos vivendo, estou muito feliz com o resultado. Foi um projeto que envolveu minha família e amigos. Consegui reunir em um único lugar a comodidade de um hostel e o aconchego de uma casa familiar”, afirma a proprietária Juliana.