Guarujá - Além de esporte ideal para relaxar e refrescar, o Stand Up Paddle (SUP) é utilizado como ferramenta para a preservação do meio ambiente. Um dos locais é a paradisíaca Ilha das Cabras, no Guarujá (SP).Localizada a dois quilômetros da praia da Enseada, a ilha é o espaço escolhido pelos praticantes do SUP para descansar e apreciar a vista deslumbrante das praias guarujaenses após uma remada.

Com o objetivo de incentivar o turismo ecológico, a Associação de Stand Up Paddle do Guarujá (Asup), em parceria com a Secretaria Municipal do Meio Ambiente (SEMAM), criou uma nova forma de conhecer a Pérola do Atlântico.As ações da Asup se dão através de mutirões de limpeza na ilha, que reúnem não somente os associados, mas todos os interessados no esporte e na preservação do meio ambiente.

Partindo do canto esquerdo da praia da Enseada, os participantes podem chegar à Ilha das Cabras com prancha de stand up ou em um dos barcos que acompanham o mutirão.

O presidente da Asup, Cláudio Monteiro, explica que a ideia de limpar a Ilha das Cabras aconteceu por conta da sujeira encontrada por ele e por outros praticantes do esporte a cada vez que visitavam o local.“Fazer os mutirões é a nossa maneira de contribuir para a preservação do meio ambiente e nós tentamos levar essa ideia adiante. Além disso, precisamos cuidar do espaço que nos proporciona a prática do stand up paddle”, diz.

O casal Alda Santos e Maurício Puttini destaca o caráter educativo da ação. Para eles o mutirão é uma forma de multiplicar a ideia de preservação da natureza.