Com situação financeira complicada, o Santos tem empresas disputando para conseguir ser a nova patrocinadora Master do clube, afirmou o presidente Andres Rueda. Em entrevista exclusiva ao Portal Meu Peixão, o mandatário alvinegro disse que, mesmo com toda dificuldade que a equipe enfrenta, atualmente não existe mais vaga para empresas interessadas em expor suas marca no peixe.





“A gente voltou a ter certa credibilidade no mercado. O Santos passou a ser respeitado no mercado. Hoje na situação de Master, (Patrocínio principal) hoje eu tenho dois concorrentes querendo o Master e nem acabou o ano. Isso vem porque, por obra do Espirito Santos, não vem. É trabalho feito”, falou Andres Rueda.





Rueda disse que a parte do Marketing da atual gestão do clube precisa ser melhorada, mas também acredita que em muitos quesitos o trabalho está sendo bem feito. Referente aos patrocínios, o presidente se mostrou satisfeito com o que a equipe vem realizado.





“Antes se avaliava o Marketing pelo patrocínio, se não tinha patrocínio era porque não funcionava. Hoje está lotado (de patrocínio), hoje eu não tenho mais onde enfiar patrocínio. Tem um fato ai. Hoje eu tenho briga de fornecedor para ser patrocinador do Santos. Hoje se aparecer um patrocinador querendo colocar sua marca, eu não tenho onde colocar (no uniforme) e com valores interessantes”, explicou.





“O Master que ficamos muitos anos sem ter, hoje tem dois ou três disputando para 2022.”, finalizou.





Atualmente, o Santos tem contrato válido por 12 meses com a empresa “Sumup”, que tem foco em máquinas de cartão e serviços financeiros para micro e pequenos negócios. A Sumup é a Master do peixe desde o dia 26 de Março, data que o acordo foi formalizado de forma oficial. Antes disso, o clube ficou dois anos sem nenhum acordo para ter um patrocinador principal. Numa possível negociação, a atual patrocinadora terá prioridade caso queira renovar com o alvinegro.





Além da Sumup, o Santos conta com os patrocínios das seguintes marcas: Philco; Cartão de Todos; Dafabet; STX; Konami; TekBond; Kicaldo; BR Supply e a fornecedora de material esportivo Umbro.





*Por Caio Caju / Meu Peixão