O ator Dwayne Johnson, 49, também conhecido como The Rock, passou por 30 horas de sessões de tatuagens para retocar o desenho de touro que tem em seu braço direito. O artista compartilhou o processo em seu Instagram, em uma série de publicações.





Yomico Moreno foi o profissional que retocou a tatuagem no bíceps do ator. "A evolução da tatuagem do touro está quase completa. Dia 2 e mais de 25 horas com meu irmão e o especialista em hiperrealismo Yomico no meu porão", escreveu o astro de "Jumanji: Bem-vindo à Selva" (2017).





"Yomico é mestre em sua área e passamos muitos meses (quase um ano de Covid-19) colaborando nos detalhes e na história que a tatuagem representará", continuou. Ele havia tatuado o touro pela primeira vez há mais de duas décadas, e o desenho anterior era menor e mais simples.





"Quase 30 horas de tatuagem (é bem desafiador, pois o meu braço e meu ombro não eram uma tela em branco; [foi necessário] realçar e adicionar o que já estava lá, então o nível de detalhe, precisão e cor específica para a minha pele leva muito tempo)", explicou ele em outro registro.





"Com humildade, [o touro] também se tornou um símbolo de força, resiliência, coração, poder e desafio para muitas pessoas ao redor do mundo", disse em uma publicação feita em 2017, quando ele fez uma mudança na tatuagem com o profissional Nikko Hurtado. "Eu fiz essa tatuagem quando era criança. Agora preciso que me reflita como homem."





"Todas as minhas tatuagens são um rito de passagem espiritual, e o mana (poder e espírito) tem que estar certo antes de começarmos. O mana é forte com Nikko, que é renomado mundialmente. Conversamos por horas sobre o homem que sou hoje, em comparação com quem eu fui. E quem eu sempre serei. Todos nós desejamos crescer e evoluir. O mana está certo… deixe o sangue e a dor começarem", escreveu na época.





The Rock na política





Recentemente o ator da franquia "Velozes e Furiosos" afirmou que poderia concorrer à Presidência dos Estados Unidos se tivesse apoio suficiente dos norte-americanos. "Eu tenho esse objetivo de unir o país, e também acredito que se o povo quiser isso, então eu o farei", disse Johnson ao ser perguntado sobre suas ambições presidenciais.





O ex-lutador profissional, conhecido pelo apelido "The Rock", não disse qual partido representaria. Também não deu detalhes sobre quando iniciaria uma eventual campanha presidencial.





A declaração ocorre após pesquisa de opinião online publicada pela empresa de tendências do consumidor Piplsay, que apontou que cerca de 46% dos norte-americanos considerariam votar em Johnson. O ator disse que ficou honrado com a pesquisa.





"Eu não acredito que nossos pais fundadores jamais tenham contemplado um cara de 1,93m, careca, tatuado, metade negro, metade samoano, bebedor de tequila, motorista de caminhonete e que usa pochete pudesse se juntar ao clube deles", escreveu em uma publicação no Instagram. "Porém, se um dia acontecer, será minha honra servir a vocês, o povo."