O rapper Kanye West, 44, ex-marido da empresária e socialite Kim Kardashian, está sendo investigado pela polícia por suspeita de ter empurrado e desferido socos em um fã, no centro de Los Angeles (EUA), na madrugada desta quinta-feira (13).





De acordo com o site Deadline, a polícia recebeu um relatório sobre o incidente, que ocorreu por volta das 3h da madrugada na Avenida Santa Fé e na Bay Street. O caso é investigado como contravenção e a sentença máxima é de seis meses de prisão, de acordo com o TMZ.





O TMZ teve acesso a um vídeo de Kanye irado entre a noite de quarta (12) e a madrugada desta. Na gravação West grita: "Vocês disseram isso ou não? Vocês disseram isso ou não? Porque foi isso que aconteceu agora."





Fotos e vídeos compartilhados nas redes sociais mostram o cantor com a suposta namorada Julia Fox, Madonna, o boxeador Floyd Mayweather e o ex-Tampa Bay Buccaneer Antonio Brown.





Contudo, esta não é a primeira vez que West se desentende com um fã.





Nesta quinta, West está confirmado como uma das atrações principais do Coachella 2022, que acontece em abril, na Califórnia, nos Estados Unidos.





Tradicionalmente, o Coachella acontece ao ar livre e costuma reunir mais de 100 mil pessoas por dia no deserto californiano.





Por causa da pandemia de covid-19, o evento teve de ser suspenso por três vezes. Inicialmente seria em abril de 2020, entretanto mudaram para outubro do mesmo ano e depois passou para abril de 2021, até cancelarem oficialmente.