Divulgação Divulgação

Santos Film Fest e Santos Comic Expo iniciam campanha de arrecadação de gibis para criação da 1º Gibiteca do Instituto Arte no Dique

Dois eventos presentes no calendário oficial de Santos se unem em prol de uma boa causa. O Santos Film Fest – Festival Internacional de Filmes de Santos e a Santos Comic Expo iniciam uma campanha de arrecadação de gibis (novos ou usados em bom estado) para a criação da primeira Gibiteca do Instituto Arte no Dique, organização social atuante há mais de 15 anos no Dique da Vila Gilda, em Santos, região de menor IDH da Baixada Santista.

A partir desta segunda-feira, 30 de abril, três espaços ligados à cultura geek da região receberão as doações: a Cult Comics, loja localizada dentro do Cine Roxy 5 (Avenida Ana Costa, 443, Gonzaga), a HC Art Collection (Av. Mal. Floriano Peixoto, 69, loja 21, Gonzaga) e o longe da Shake Burger (Av. Gen. Francisco Glicério, 55, Gonzaga). Para conferir o horário de funcionamento de cada ponto de arrecadação, basta acessar as respectivas páginas: https://www.facebook.com/cultcomics5/https://www.facebook.com/hcartcollection/ e https://www.facebook.com/shakeburger/.

As doações serão recebidas até o início de agosto e a Gibiteca do Instituto Arte no Dique será lançada durante o 3º Santos Film Fest – Festival de Filmes de Santos, que ocorre entre 28 de agosto e 5 de setembro em mais de 10 espaços da cidade e programação gratuita. No evento de inauguração, haverá uma ação especial com diversas surpresas.

“Os quadrinhos, além de educar, inspiram. Personagens mágicos, lúdicos, maiores que a vida, transitam pelas páginas que, esperamos, alcancem um grande número de jovens. E que esses jovens de hoje, através também de seu contato com os quadrinhos  se tornem nos heróis e heroínas do futuro”, ressalta Rodrigo Piovezan, que integra o grupo de fãs de histórias em quadrinhos Os Guerreiros, responsável pela organização da Santos Comic Expo. A Santos Comic Expo (www.santoscomicexpo.com.br) é o maior evento do gênero feito fora de uma capital no Brasil. Sua quinta edição ocorreu em outubro de 2017 e reuniu mais de 9 mil pessoas durante dois dias no Centro de Cultura Patrícia Galvão. Em 2018 o projeto não ocorrerá e retorna em 2019 com força total.

“Cinema e quadrinhos sempre estiveram ligados. E hoje essa ligação está mais forte que nunca. Por isso o Santos Film Fest, dentro de sua ampla programação, tem várias atividades ligadas ao universo geek e nerd. Poder realizar essa ação vai de encontro ao tema desta edição, os 17 objetivos da Agenda 2030 da ONU, na busca por um mundo mais justo, onde as pessoas tenham acesso à cultura, às artes, à educação, independentemente de sua origem ou classe social”, afirma André Azenha, diretor do festival.  

O projeto para a concepção da primeira Gibiteca do Instituto Arte no Dique se enquadra no Objetivo 4 da Agenda 2030 da ONU“Educação de qualidade”, que visa “assegurar a educação inclusiva e equitativa e de qualidade, e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos”.

O Instituto Arte no Dique (www.artenodique.org), que completou 15 anos de atuação no fim de novembro de 2017, desenvolve trabalho sócio cultural com a população do Dique da Vila Gilda na Zona Noroeste de Santos. Tem a missão de oferecer oportunidade de transformação e desenvolvimento humano e social a crianças, adolescentes, jovens e adultos através da participação da comunidade em ações educativas, de geração de renda, meio ambiente e valorização da cultura popular da região. O projeto é desenvolvido numa das regiões de maior vulnerabilidade social da cidade, com uma população de 22 mil habitantes vivendo em condições precárias, em palafitas à beira do mangue, sobre o Rio Bugre. Com a participação efetiva da comunidade e a contribuição dos diferentes setores da sociedade o que poderia parecer impossível está acontecendo. Atualmente, a instituição atende mais de 600 pessoas da região.

Agenda nerd no Santos Film Fest

Ainda no Santos Film Fest, outras atividades ligadas à cultura nerd e geek ocorrerão. Este ano o festival celebra os 80 anos de Superman e os 40 de “Superman, o Filme”. O Shopping Pátio Iporanga receberá uma exposição em homenagem ao herói, com itens colecionáveis, filmes, fotos, etc, bem como um curso de desenho com duração de duas tardes, focado no personagem. O local também terá show da banda The Classics, cujo set list será focado em músicas de filmes e desenhos animados dos anos 70, 80, 90 e 2000.

O SFF levará à Gibiteca Municipal Marcel Rodrigues Paes uma exposição, sob curadoria de Renatinho Santos, da Santos Comic Expo, que reunirá cerca de 30 artes feitas por quadrinistas de diversas partes do país sob o tema “Representatividade nos filmes de super-heróis”, com participação já confirmada de Cláudio Roberto Basílio, da Santos Comic Expo, bem como bate-papos sobre o tema e com desenhistas, além de sessões de filmes.

3º Santos Film Fest

3º Santos Film Fest – Festival de Filmes de Santos, que acontecerá de 28 de agosto a 5 de setembro, está com inscrições abertas para curtas, médias e longas-metragens. O regulamento bem como o formulários de inscrição estão disponíveis no link https://santosfilmfest.com/regulamento/. Não é cobrada taxa pela inscrição dos filmes.

Um dos homenageados será o crítico santista Rubens Ewald Filho. Nesta terceira edição, o Santos Film Fest apresentará mais de 70 filmes e acontecerá em diversos espaços de Santos: Cine Roxy 5, Cine Roxy 4, Cine Arte Posto 4, Cine ZN, Universidade São Judas Campus Unimonte, Instituto Arte no Dique, Cinemateca de Santos, Museu da Imagem e do Som de Santos, Shopping Pátio Iporanga, Open House Idiomas, Gibiteca Municipal Marcel Rodrigues Paes e terá ações nos morros e na área continental. Entre os objetivos do projeto estão a promoção da cultura, do turismo, da educação, a formação de público, a democratização de acesso à cultura, o resgate histórico, o intercâmbio cultural.

Em time que está ganhando não se mexe. E o Santos Film Fest manterá as oficinas formativas na Unimonte, agora São Judas Campus Unimonte, a Virada Cinematográfica com café da manhã na Cinemateca, sucesso de público nas duas edições do festival, o Happy Hour Cinematográfico, com bandas tocando fim de tarde em frente ao Roxy, e os bate-papos e palestras com profissionais experientes da área e as exibições de filmes clássicos e cults, visando valorizar a história do cinema.




 

 

Leia Mais
  • Publicado por: Sarah Campos
  • Postado em: domingo, 29 abr 2018 03:45Atualizado em: segunda-feira, 01 jan 1900 00:00
  • Quadrinhos   Santos   Gibiteca   
Divulgação Divulgação

Festival O Som das Palafitas, do Arte no Dique, segue sexta e sábado com shows de Monna e Gabriel Prado e Edson Kbça

O festival O Som das Palafitas tem levado anualmente apresentações musicais – gratuitas - de nomes como Armandinho Macedo, Luiz Caldas, Geraldo Azevedo, Hamilton de Holanda e A Cor do Som ao Dique da Vila Gilda, em Santos, comunidade onde mais de 25 mil pessoas vivem sobre palafitas, a maior favela do gênero no país e uma das maiores da América Latina.

A iniciativa do Instituto Arte no Dique e presente no calendário oficial da cidade busca promover a democratização do acesso à cultura, a formação de plateia para a música brasileira, o fomento da economia criativa local (moradores da comunidade podem armar barraquinhas e comercializar seus produtos), e o intercâmbio entre músicos consagrados da música popular brasileira e artistas regionais, que sempre abrem os shows.

Em virtude da pandemia do coronavírus, O Som das Palafitas é realizado online este ano. Se há a perda do contato próximo entre artistas e público, por outro lado o evento pode ser acompanhado em qualquer parte do mundo e evento ganha caráter filantrópico. Durante os shows, transmitidos nas redes sociais da instituição no formato live, há um QR Code no qual as pessoas poderão fazer doações. O valor arrecadado será usado para a compra de equipamentos utilizados pela entidade e instrumentos para as oficinas musicais, e também para a reforma da fachada da entidade.

O festival começou dia 4, com show de Danilo Nunes homenageando Moraes Moreira e seguiu na noite seguinte com apresentação do DJ Cuco. Depois foram Matheus Vasconcelos e Simone Ancelmo que se apresentaram. Esta é a primeira fase do O Som das Palafitas 2020, só com artistas da Baixada Santista.

Os shows seguirão sempre às sextas e aos sábados, 20h, Monna (18 de setembro), Gabriel Prado e Edison Cabeça (19 de setembro), Diego Alencikas (25 de setembro), Conrado Pouza (26 de setembro), Julinho Bittencourt (2 de outubro) e Jotta R (3 de outubro).

“São dez apresentações e 11 artistas da região. É nossa forma de valorizarmos a produção artística local, principalmente nesse cenário bastante difícil para a classe cultural com a pandemia. Muitos deixaram de ganhar o seu sustento do dia a dia com o fechamento de bares, casas noturnos e cancelamento de shows e festivais presenciais, e dependem de iniciativas assim para se manterm”, detalha José Virgílio. “Também esperamos que essa edição seja o embrião de um grande festival de música regional autoral que pretendemos desenvolver, de maneira presencial, a partir de 2021”, destaca o gestor.



Maior edição já realizada e homenagem a Moraes Moreira

Outro diferencial que chama a atenção é o aumento do número de atrações e também os destaques de alcance nacional. Em comum, todos os shows contarão ao menos com uma canção composta por Moraes Moreira, homenageado pelo projeto. O cantor e compositor baiano, que faleceu em 13 de abril, é um dos patronos do Arte no Dique. O presidente do instituto, José Virgílio Leal de Figueiredo é conterrâneo de Moraes e foi amigo do autor de clássicos como Acabou Chorare, Preta Pretinha e Pombo Correio, entre muitos outros hits. Moraes já se apresentou no espaço e batiza o estúdio da organização social. “Foi alguém fundamental na história do Arte no Dique, que nos ajudou a abrir portas, trouxe credibilidade para a ONG e levou o nosso nome Brasil agora”, ressalta José Virgílio.





Fase nacional



A partir de 10 de outubro a programação contará com grandes artistas do cancioneiro popular e da música instrumental do país: Sandra de Sá (10 de outubro), José Gil e Maria (17 de outubro), Charlie Brown Jr. (24 de outubro), Moreno Veloso (31 de outubro), Hamilton de Holanda (7 de novembro), Gilmelandia e Luciano Calazans (14 de novembro), Davi Moraes (21 de novembro) e Armandinho Macedo (28 de novembro) formam o line up do evento. Este último também será o mestre de cerimônias destas apresentações.



Programação:





18.09 - Monna

19.09 - Gabriel Prado e Edison Kbça

25.09 - Diego Alencikas

26.09 - Conrado Pouza

02.10 - Julinho Bittencourt

03.10 - Jotta R

10.10 - Sandra de Sá
17.10 - José Gil e Maria
24.10 - Charlie Brown Jr
31.10 - Moreno Veloso
07.11 - Hamilton de Holanda
14.11 - Gilmelandia e Luciano Calazans
21.11 - Davi Moraes
28.11 - Armandinho


Os shows serão transmitidos pela página www.facebook.com/artenodique e pelo Youtube www.youtube.com/artenodiquetv.


Sobre o Arte no Dique

28 de novembro de 2002. Nessa data foi lançada a pedra fundamental do Instituto Arte no Dique. Passados 17 anos, mais de 15 mil pessoas, em grande parte moradores do Dique da Vila Gilda, em Santos, frequentaram as oficinas da instituição, tiveram acesso à cultura e à arte. “Cultura como um todo”, como costuma dizer o presidente da ONG, José Virgílio Leal de Figueiredo, já que o Arte no Dique trabalha, com seus colaboradores, alunos, frequentadores, parceiros, a questão da cidadania. Desde a entrega semanal de leite para a comunidade, até as oficinas de percussão (que deram início ao projeto), violão, dança, informática, customização, as exibições de filmes seguidas de debates, shows. Artistas de renome como Gilberto Gil, Moraes Moreira, Sergio Mamberti, Lecy Brandão, Wilson Simoninha, Hamilton de Holanda, Armandinho Macedo, Luiz Caldas, Geraldo Azevedo, Luciano Quirino, entre outros, já se apresentaram no espaço.

Diariamente, cerca de 600 pessoas participam do projeto, que tem a missão de oferecer oportunidade de transformação e desenvolvimento humano e social a crianças, adolescentes, jovens e adultos através da participação da comunidade em ações educativas, de geração de renda, meio ambiente e valorização da cultura popular da região. O trabalho sério, que gerou importantes resultados inclusivos, levou a instituição a tornar-se referência em inclusão social, no Brasil e no exterior, sendo convidada diversas vezes festivais e congressos.

Sobre o Intercâmbio cultural:

O Intercâmbio Cultural Internacional teve início em 2012. Desde lá, os participantes do Arte no Dique tiveram a oportunidade de visitar e receber artistas e empreendedores sociais de diversos países da América do Sul e Europa. Com isso, foi possível oportunizar a troca, vivência e ganho de repertório cultural e social de crianças e jovens e de todo o público envolvido nessa ação.

Ao longo desse período, dois jovens que frequentavam as oficinas de percussão do Instituto Arte no Dique decidiram viver profissionalmente em solo europeu, eles são: Gabriel Prado, 22 anos, morador de Bari na Itália onde vive há quatro anos, e Jorge Henrique, da mesma idade, morador de Marselha, na França, há dois anos.

Em 2019, oito crianças entre 07 e 12 anos, moradores do Dique da Vila Gilda e de bairros vizinhos, estão realizando ensaios diariamente para uma nova oportunidade. A experiência foi repetida em 2020, com nove crianças. Tal jornada em outro país permite, ainda que por alguns, aos envolvidos encontrar um “novo mundo”, onde têm acesso a outros hábitos, costumes, identidades, gastronomia, idiomas, horizontes, enfim, cultura.

Hoje o Arte no Dique faz parte do projeto Scholas Ocurrentes, do Vaticano. Outras informações em www.artenodique.com.br, www.facebook.com/artenodique e www.youtube.com/artenodiquetv.

 

 

Leia Mais
  • Publicado por: Sarah Campos
  • Postado em: segunda-feira, 14 set 2020 16:08Atualizado em: segunda-feira, 01 jan 1900 00:00
  • Cultura   Arte no Dique   Santos   
Divulgação Divulgação

Culturalmente Santista chega em sua 6ª edição





Pela primeira vez, a cidade de Santos sediará um festival cultural que tem como sua temática principal o debate da Agenda 2030 da ONU. O Culturalmente Santista – Fórum Cultural e Criativo de Santos, que nasceu em 2012, inova em sua 6ª edição promovendo o debate sobre o papel central da cultura e da criatividade como agentes propulsores do desenvolvimento sustentável na cidade para o atingimento dos 17 objetivos da Agenda 2030 da ONU. Os 17 objetivos serão promovidos através de atividades diversificadas envolvendo Artesanato, Cinema, Design, Gastronomia, Música e Literatura e também discussão de políticas, através do debate que será promovido entre os Secretários de Cultura das cidades da região Metropolitana de Santos e do compartilhamento internacional de boas práticas, o que será feito através do Painel de Debates entre cinco Cidades Criativas Ibero Americanas que apresentarão boas práticas relativas aos Objetivos da Agenda 2030. 

Toda a programação é gratuita e ocorre de 8 a 10 de dezembro, ocupando o térreo do Centro de Cultura Patrícia Galvão. 

Para iniciar com chave de ouro, na sexta-feira, 8 de dezembro, a partir das 19h30, no “queijo” localizado no térreo do Centro de Cultura Patrícia Galvão, acontecem shows de talentos da região: o músico Rogério Baraquet, acompanhado por sua banda, apresenta o repertório que mescla seus mais de 30 anos de carreira, inclusive as canções do recém lançado álbum “Consequências”. A noite também terá show da banda Cigarra Elétrica, que tocará especialmente com a cantora Carla Mariani, levando ao público um set list autoral calcado em jazz e blues.

blog20171235554702.jpg


Tendo em vista o tema desta edição e o fato de Santos contar com um selo de Cidade Criativa em Cinema, da Unesco, o Festival promoverá um debate entre cinco cidades criativas - Santos, Brasil (Cinema), Denia, Espanha (Gastronomia), Óbidos, Portugal (Literatura) e Duran, Equador (Artesanato), Amarante, Portugal (Música). Estas cidades compartilharão boas práticas de cultura e criatividade no desenvolvimento da Agenda 2030 da ONU. Será realizado através de transmissão ao vivo, na sala de projeção do Museu da Imagem e do Som de Santos, a partir de cada cidade ibero americana. Domingo, 10 de dezembro, 15h30.

Com objetivo de estimular a sustentabilidade e o empreendedorismo artístico regional, o CulturalMente Santista realiza sua primeira feira cultural e criativa. Serão cerca de 30 expositores, entre artistas que poderão vender seus livros, quadrinhos, CDs, DVDs, artesanato, artes visuais. Haverá também food bikes e estandes com gastronomia criativa. A feira funcionará sempre no horário do evento.

Imperdível para quem consome cultura, este evento chega mais um ano repleto de atividades para todos.

Serviço:
6º CulturalMente Santista – Fórum Cultural e Criativo de Santos

8 a 10 de dezembro (sexta a domingo)

Abertura: Sexta-feira, 8 de dezembro, 18h30 (início dos shows às 19h30
Sábado, 9 de dezembro, 11h às 19h
Domingo, 10 de dezembro, 10h às 18h
Centro de Cultura Patrícia Galvão – Avenida Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias. 

 

 

Leia Mais
  • Publicado por: Sarah Campos
  • Postado em: domingo, 03 dez 2017 23:49Atualizado em: domingo, 03 dez 2017 23:56
  • Cultura   Santos   Evento   
Divulgação Divulgação

Trends 013

Entre os dias 06 e 07 de outubro acontecerá o Trends 013, evento que traz a cidade moda, decoração, gastronomia e muito mais!
Dentre as novidades do evento, acontece o Espaço Quântico, único aqui na cidade que contará com a participação de Herbert Callegari, terapêuta quântico e Sirena Mello, co-fundadora da Mindwaves.
A proposta da terapia quântica é expandir a consciência e buscar benefícios na saúde e qualidade de vida provenientes desta adaptação.
A idéia do projeto surgiu da empresa Queen T-shirts, que participava de eventos da região e da capital, e sentiu que faltava uma novidade na área. Por ter vivido o lado do expositor, preocupou-se com a atenção dada pelos organizadores de eventos com o objetivo de criar um ambiente harmônico, que todos estivessem em sintonia e a vontade.
Também houve o carinho de pensar em uma área especial para as crianças, assim tanto os pequenos podem se divertir com o espaço kids quanto os pais podem aproveitar com mais tranquilidade o evento. O espaço kids contará ainda com uma oficina de Slime, uma moda entre as crianças.
A Trends 013 acontece das 11h as 21h, na Av. Marechal Floriano Peixoto, 241, em Santos/SP. A entrada é gratuita, e os organizadores pedem a aqueles que puderem ajudar a doação de 1l de leite ou 1kg de arroz ou feijão

 

 

Leia Mais
  • Publicado por: Sarah Campos
  • Postado em: quarta-feira, 03 out 2018 02:15Atualizado em: segunda-feira, 01 jan 1900 00:00
  • Bazar   Santos   Evento   
Divulgação Divulgação

Le Lis apresenta projeto Bar de Femmes

O Le Lis, restaurante localizado no Gonzaga com va´rios ambientes, apresenta o espac¸o do Bar, que foi inspirado nas mulheres e projetado para que elas se sintam em casa em um local com ambientac¸a~o mais acolhedora e feminina, perfeito para um Happy Hour com as amigas e com o crush tambe´m, por que na~o?

Dentro deste conceito o Le Lis realiza em parceria com as blogueiras Suzana Elias Azar, do Suzanices, e Sarah Campos, do Sahssaricando e aqui do A Sah Te Indica, o Bar de Femmes com um bate-papo inspirador sobre mulheres contempora^neas e sua relac¸a~o com a noite e as bebidas na quinta-feira, 29 de marc¸o (ve´spera de feriado), a`s 19 horas.

A sommelie`re de cervejas Aline Arau´jo e´ a convidada de Suzana e Sarah e vai contar um pouquinho sobre a relac¸a~o das mulheres com a cerveja, uma bebida que possui forte ligac¸a~o com o feminino.

Entre as diversas curiosidades que Aline contara´, esta´ o fato de que foi uma mulher, uma monja, quem acrescentou o lu´pulo na receita de cerveja, por exemplo. Aline Arau´jo e´ formada em Administrac¸a~o de Empresas e MBA em Trade Marketing, trabalha desde 2008 com cervejas e ja´ liderou a a´rea de Marketing da Bier & Wein, pioneira na importac¸a~o de cervejas especiais no Brasil. E´ sommelie`re de cervejas formada pela Doemens Akademie e Science of Beer (onde atualmente e´ professora), ni´vel 1 em destilados pela W.S.E.T., cervejeira caseira e membro da 1a confraria feminina de cervejas de Sa~o Paulo, a Maltemoiselles. Ja´ viajou o mundo visitando cervejarias e vivenciando a tradic¸a~o das principais escolas cervejeiras e hoje compartilha seu conhecimento e paixa~o pelo assunto Brasil afora, com maior dedicac¸a~o a` Santos, onde desde 2017 tem uma distribuidora de cervejas especiais – a Confraria Paulista^nia - junto com seu so´cio e marido, Marcelo Malanconi.

Servic¸o:


Bar de Femmes – Talk Mulheres, noite e cervejas

Data: quinta-feira, 29 de marc¸o

Hora´rio: a partir das 19 horas

Local: Le Lis - Prac¸a Fernandes Pacheco, 34

 

 

Leia Mais
  • Publicado por: Sarah Campos
  • Postado em: quarta-feira, 28 mar 2018 14:27Atualizado em: segunda-feira, 01 jan 1900 00:00
  • Eventos   Santos   Le Lis   
      Página Posterior >>