Uma organização criminosa que atuava em agências bancárias de Praia Grande extorquindo idosos foi identificada pela Polícia Civil. Na manhã desta quarta-feira (8), policiais do 3º Distrito Policial da cidade cumpriram mandados no Jardim Santa Cruz, na Capital, na tentativa de prender um homem de 46 anos e apreender um adolescente de 17 anos.





Segundo informações da Polícia Civil, as diligências e investigações de campo apontaram que, ao perceberem que o idoso estava desacompanhado em um caixa eletrônico, os criminosos se aproximavam e, mediante ameaças, forçavam a vítima a liberar o acesso a conta bancária, realizando transferências para contas de outros integrantes da associação.





A Polícia Civil segue trabalhando para identificar outras vítimas desta associação criminosa e solicita que pessoas que tenham sofrido esse golpe compareçam ao 3º DP de Praia Grande, para registro da ocorrência.





Os suspeitos ainda não foram localizados e continuam foragidos.





De acordo com a Polícia Civil, as diligências prosseguem visando suas capturas e a identificação de outros envolvidos na prática criminosa.