O diretor da Faculdade de Direito da Universidade Santa Cecília (Unisanta), Norberto Moreira da Silva, morreu aos 84 anos, nesta terça-feira (5), em Santos. Casado com a advogada Thereza Boccalini, deixou dois filhos, Norberto e Roberta, três netos, Patrick, Giovana e Julia e dois bisnetos, Alice e Davi. Segundo apurado pelo Santa Portal, a causa da morte foi falência múltipla de órgãos.





Norberto foi fundador do curso de Direito e esteve à frente nas últimas décadas, desde 1997. No cargo, participou ativamente da implantação do posto avançado do Juizado Especial Cível – primeiro do país – no Terminal Marítimo de Passageiros (Concais), do Juizado Especial Cível, do Escritório de Assistência Judiciária, que atende a população carente na área de Direito da Família, do Procon/Unisanta.





Além disso, foi presença marcante em congressos nacionalmente consagrados, como o Congresso de Direito Ambiental. Foi unanimidade entre alunos e professores, e dedicou 66 anos de sua vida à prática do Direito.





Ele ainda foi Conselheiro Federal da OAB em 2007, Conselheiro Estadual da OAB/SP (1995 – 1997) e presidente da OAB/Santos em quatro gestões (2001/2003), (1998/2000), (1993/1994) e (1991/1992), representando, em todas as oportunidades, os interesses coletivos ou individuais dos advogados e velando pela dignidade, independência, prerrogativas e valorização da advocacia.





O advogado também teve uma trajetória bastante ligada ao esporte. Entre 2000 e 2009, Norberto Moreira da Silva foi vice-presidente do Santos, na gestão de Marcelo Teixeira.





Em sua juventude, Norberto jogou nas categorias de base do Peixe e, depois, chegou a se profissionalizar no futebol. Ele foi meio-campista da Portuguesa Santista, entre os anos de 1960 e 1967.





A Unisanta decretou luto oficial de três dias, mas as atividades continuam normalmente. "Descanse em paz, querido Dr. Norberto, fundador e diretor da Casa Azul, exemplo, referência, verdadeira alma e autêntico reflexo de nosso conceituado curso de Direito, estará perpetuado o seu enorme legado à educação, à advocacia e ao esporte do nosso país!", afirmou Marcelo Teixeira, pró-reitor administrativo da Unisanta e presidente do Sistema Santa Cecília de Comunicação.





Em homenagem à Norberto, a diretora geral da Unisanta, Lúcia Teixeira, destaca que ele continuará sempre lembrado pelo legado que deixou na instituição.





"Querido amigo Norberto partiu para outras grandes missões. E continuará sempre lembrado. Fundador da conceituada Faculdade de Direito da UNISANTA, esteve sempre abraçado com nossa família e o Complexo Santa Cecília com as grandes causas. No Direito, no Esporte, ele foi grande, mas foi principalmente na vida. Norberto, o conciliador! Nossa grande homenagem, querido amigo! Minha solidariedade à família e a toda imensa legião de amigos".





A reitora da Unisanta, Silvia Teixeira Penteado, também prestou a sua homenagem ao grande ceciliano. "Querido e sempre amigo Norberto Moreira da Silva, continue iluminado com a alma do bem. Irmanado com a história da Família Teixeira. Amava o Santa Cecília e fundou o curso de Direito da Casa Azul. Fez vibrar o Alvinegro da Vila Belmiro na gestão do esporte. Nos diversos passos de sua linda trajetória profissional, promovia a paz, a conciliação e o equilíbrio. Que Nossa Senhora conforte a sua família e a todos que o rodeavam. Que assim seja! Amém!".





O coordenador do curso de Direito da Unisanta, o Prof. Dr. Fernando Reverendo Vidal Akaoui, também lamentou o falecimento de Norberto Moreira. “Nós perdemos um símbolo da advocacia santista, paulista e brasileira: Doutor Norberto Moreira da Silva. Ele foi por três vezes presidente da subseção da OAB em Santos, com uma passagem maravilhosa como conselheiro federal, além de ter sido um homem do esporte, que foi atleta profissional jogando no Santos Futebol Clube e na Portuguesa Santista, depois vice-presidente do Santos Futebol Clube por dez anos, com uma história também maravilhosa que influenciou na vida de muitos jovens e de muitos jogadores. Já a Unisanta perde a sua referência na faculdade de Direito: o Dr. Norberto era diretor desde a abertura do curso. Além disso, perdemos um grande ser humano, uma pessoa de alma gigante, de coração enorme, que ajudou tantas e tantas pessoas, entre professores, alunos e pais a formarem os seus filhos, dando a eles uma vida digna, um futuro melhor mundo. O Dr. Norberto era um amigo leal, um irmão, um pai para todos nós. Estamos realmente todos destroçados com essa notícia do passamento do Doutor Norberto. Que Deus o receba e possa confortar todos nós amigos, mas principalmente a família”, disse.