O Túnel Juscelino Kubitschek, conhecido como Túnel da Vila Zilda, em Guarujá, foi avaliado pelo engenheiro da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras (Seinfra) nesta quarta-feira (21), e foi liberado para o trânsito às 14 horas, após parte da estrutura ceder.





Nesta manhã, o túnel foi interditado previamente pela Defesa Civil, depois de parte do revestimento do teto ceder, causando a queda de pedras e detritos. As equipes da Secretaria de Operações Urbanas (Seurb) realizaram a limpeza do local.





Segundo a prefeitura, durante a análise, detectou-se que não houve danos estruturais, e  notou-se que o excesso de umidade fez com que as placas de concreto jateado para proteção do túnel se deslocassem e rompessem, caindo sobre as placas de PVC, que compõem o revestimento interno do túnel.





Será realizado um acompanhamento no local e foi solicitado também o parecer de uma empresa especializada para novas análises.





Ninguém se feriu após o teto ceder, e os motoristas precisaram desviar. Um vídeo mostra o buraco deixado no teto após o acidente. Confira: