Ruas do Boqueirão têm bloqueio preventivo contra o sarampo nesta quarta


28 dias atrás
Por: #Santaportal - Em 19/06/2019 às 08:31
Ruas do Boqueirão têm bloqueio preventivo contra o sarampo nesta quarta Rogério Bonfim/ Prefeitura de Santos

SANTOS - A Secretaria de Saúde de Santos promove, nesta quarta-feira (19) a partir das 9 horas, um bloqueio preventivo contra o sarampo em trecho do Boqueirão, após caso suspeito da doença em jovem de 22 anos, moradora de São Paulo, cujos pais residem na Cidade.

Cerca de dez profissionais de saúde vão percorrer 70 imóveis das ruas Dr. Vitor de Lamare (n° 31 a 39) e Dr. Acácio Nogueira (31 a 67) e Avenida Siqueira Campos (610 a 622).

O diagnóstico de sarampo não está confirmado ainda, pois o Município aguarda resultados de exames do Instituto Adolfo Lutz, laboratório de referência do governo estadual, mas houve resultado positivo em amostra de laboratório particular credenciado à Anvisa.

Como a jovem mora, estuda e trabalha em São Paulo (Capital), a suspeita é de que o possível contágio tenha ocorrido nesta cidade, que vive surto de sarampo. Ela manifestou os primeiros sintomas no dia 8 de junho e não precisou de internação hospitalar.

Na ação desta quarta (19), os profissionais de saúde irão de casa em casa para verificar o esquema vacinal dos cerca de 200 moradores. Aqueles que tiverem doses faltantes ou não tenham carteira de vacinação poderão receber dose da vacina SCR (contra sarampo, caxumba e rubéola). Os moradores e comerciantes que não estiverem no ato da visita poderão procurar a Policlínica da Conselheiro Nébias (Av. Conselheiro Nébias, 514) para a imunização, se preciso.

Calendário
No calendário vacinal do Ministério da Saúde, esta dose deve ser aplicada aos 12 meses de idade (primeira dose) e aos 15 meses (segunda dose). Na carteira de vacinação, adultos até 29 anos de idade devem ter tomado durante a vida duas doses da vacina; de 30 a 59 anos, pelo menos uma dose; acima de 60 anos, não precisa tomar, pois já teve contato com o vírus.

Em 2019 (janeiro a maio), foram aplicadas em Santos 116.047 doses da vacina contra o sarampo, caxumba e rubéola (SCR), contra 26.272 doses no ano de 2018 e 12.482 doses em 2017. Com apoio do Ministério da Saúde e da Secretaria de Estado da Saúde, o Município realizou campanha de vacinação nos meses de fevereiro e março, após surto de sarampo em navio que fez escalas no Porto de Santos na temporada de cruzeiros.

Foram confirmados neste ano cinco casos da doença em Santos, três deles com relação comprovada com o navio, o que exigiu a realização de bloqueios de vacinação dos familiares e no entorno das moradias, escola e local de trabalho dos pacientes, de acordo com o apontado pelas investigações epidemiológicas.