Em Praia Grande, Guarda Civil Municipal aumenta efetivo em 60%


18 dias atrás
Por: #Santaportal - Em 31/03/2019 às 16:16
Em Praia Grande, Guarda Civil Municipal aumenta efetivo em 60% Divulgação/Prefeitura Municipal de Praia Grande

PRAIA GRANDE - Um importante reforço na área da Segurança Pública foi anunciado em Praia Grande, na manhã desta sexta-feira (29). A partir de segunda-feira (1º de abril) moradores e turistas contarão com mais viaturas e guardas nas ruas graças a um planejamento estratégico que permitirá o pagamento de plantões extras, em um investimento de mais de R$ 5 milhões. Com isso, o efetivo da Guarda Civil Municipal (GCM) aumentará em 60%.

O anúncio foi feito pelo prefeito Alberto Mourão em evento realizado no Paço Municipal e que contou com a presença de secretários municipais, vereadores, funcionários públicos e cidadãos que passavam pelo local.

De acordo com o chefe do Executivo, até então, os plantões extras eram pagos em situações extraordinárias, como temporada de verão e eventos de maior porte que demandassem reforço na segurança. “É uma espécie de Dejem (Diária Especial por Jornada Extraordinária de Trabalho Policial Militar – adotado pela PM) que será implantada permanentemente. Com isso, teremos um aumento de 60% no número de viaturas e guardas circulando nas ruas”.

Ao reforçar que segurança pública não é apenas um problema de policiamento, mas também de tecnologia e solução de questões sociais, o prefeito explicou que o Praia Grande Segura, braço do Cidade Total, implantado no Município desde o dia 11 de março, trata-se de uma ação ainda maior, com investimentos até o final da gestão que ultrapassam a casa dos R$ 10 milhões, incluindo o pagamento dos plantões extras. “Ainda este ano, vamos instalar mais 600 câmeras de monitoramento, ampliando o sistema que atualmente conta com mais de 2.200 equipamentos. Além disso, conseguimos um recurso de cerca de R$ 1 milhão que pleiteávamos há dois anos (por meio da Secretaria

Nacional de Segurança Pública – Senasp) e que será utilizado para a compra de mais cinco viaturas para a GCM e também de uniformes. E, a partir de setembro, integraremos mais 80 guardas à corporação, graças ao concurso público que está em andamento”. O investimento nas câmeras e manutenção do parque tecnológico já existente gira em torno dos R$ 4 milhões.

Mourão revelou ainda que, recentemente, apresentou uma proposta ao Governo do Estado para a construção de novos prédios para a instalação da Delegacia-sede, no Bairro Tupi, e do 2º DP, no Bairro Caiçara, além da nova Delegacia e Defesa da Mulher (DDM) que já está em andamento no Boqueirão. “Coloquei que o Município investiria R$ 10 milhões nessas obras, com mais estrutura, melhorias aos funcionários e atendimento à população, mas em contrapartida quero o aumento do efetivo da Polícia Militar e da Polícia Civil. Entretanto, ainda não obtive um retorno”.

Para o secretário de Assuntos de Segurança Pública, José Americo Franco Peixoto, com a implantação do plano estratégico será possível reduzir ainda mais os índices criminais da Cidade e agilizar a pronta resposta da Guarda Civil. “É mais um desafio da Administração Pública. Mas com trabalho e inovação estamos conseguindo resultados bastante positivos”.

Uma mostra desses resultados está diretamente relacionada aos investimentos em tecnologia na área de segurança. Para se ter uma ideia, desde o início da implantação do sistema de “Cerco Eletrônico” na Cidade, em dezembo de 2017, até hoje essa redução já chegou a mais de 70% nos casos de roubo e furto de veículos.