Diogo Vitor brilha, marca no fim e Santos arranca empate no clássico com o Corinthians no Pacaembu


287 dias atrás
Por: #Santaportal - Em 04/03/2018 às 20:26 - alterado em 06/03/2018 às 14:47
Diogo Vitor brilha, marca no fim e Santos arranca empate no clássico com o Corinthians no Pacaembu Ivan Storti/Divulgação Santos FC

FUTEBOL - Santos e Corinthians empataram por 1 a 1 em clássico muito disputado no fim da tarde deste domingo (4), no Pacaembu. O empate por 1 a 1 garante a classificação do Peixe para a próxima fase do Campeonato Paulista.

A equipe praiana tem 18 pontos e não pode mais ser alcançada pelo terceiro colocado do grupo D, do qual é líder. Ainda não classificado matematicamente, o Timão segue líder do grupo A, com 17 pontos.

Santos e Corinthians voltam a campo na próxima quarta-feira (7), pela 11ª rodada do Paulistão. O time da Vila Belmiro visitará o Novorizontino, no Estádio Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte, às 19h30. Já o Timão receberá o Mirassol na Arena de Itaquera, às 21h45.

O jogo
A partida começou agitada. Logo nos primeiros minutos, Rodriguinho quase abriu o placar, mas parou em Vanderlei. O Santos respondeu em cabeceio de Lucas Veríssimo, defendido por Cássio. O atacante Rodrygo, de apenas 17 anos, também dava bastante trabalho para a defesa corintiana.

Em meio ao equilíbrio do início do clássico, o Corinthians conseguiu marcar primeiro. Aos 19 minutos, Renê Júnior arriscou de longe e contou com o desvio no santista Léo Cittadini para tirar o goleiro Vanderlei do lance: 1 a 0.

O Peixe até esboçou reagir e quase marcou em cabeceio de Léo Cittadini, que foi para fora.

Em desvantagem, o Santos voltou pressionando bastante. Porém, a equipe praiana viu a sua pressão sofrer uma pausa forçada aos 21, quando houve um apagão no Pacaembu e o jogo ficou paralisado durante 50 minutos.

A partida foi retomada com o Peixe atacando e o Corinthians se defendendo, esperando o momento para contra-atacar. O time mandante chegou a criar algumas chances, mas não conseguiu acertar o alvo. Por sua vez, o Timão viu Daniel Guedes salvar uma bola em cima da linha e Vanderlei fazer uma defesa espetacular em chute de Rodriguinho, após uma cobrança de escanteio.

Os santistas não desistiram e, já nos minutos, veio o gol de empate. Aos 4, após cruzamento de Jean Mota, Cássio cortou parcialmente e o jovem Diogo Vitor, que havia entrado no lugar de Rodrygo, pegou o rebote e encheu o pé para deixar tudo igual: 1 a 1.

O Santos ainda saiu de campo com a sensação de que poderia ter vencido o clássico. Isto porque, aos 45, Balbuena atingiu Léo Cittadini com um carrinho dentro da área, mas o árbitro Luiz Flávio de Oliveira marcou falta fora, para a reclamação dos comandados de Jair Ventura.