Em disputa acirrada, União Imperial é campeã e encerra jejum de 21 anos no Carnaval Santista


79 dias atrás
Por: #Santaportal - Em 06/02/2018 às 15:06
Em disputa acirrada, União Imperial é campeã e encerra jejum de 21 anos no Carnaval Santista Divulgação/Prefeitura Municipal de Santos

CARNAVAL - A União Imperial é a grande campeã do Carnaval Santista. Após 21 anos de jejum, a Verde e Rosa do Marapé com 180 pontos, empatada com a X-9, mas levando o título nos critérios de desempate. A apuração foi realizada na tarde desta terça-feira (6), do Teatro Municipal de Santos, com transmissão ao vivo da Santa Cecília TV. A repórter Yonny Furukawa e o comentarista Isildo Pereira acompanharam ao vivo a apuração. A Brasil foi rebaixada com 178,5.

LEIA TAMBÉM:
- Mocidade Dependente do Samba é campeã do grupo de Acesso

- Zona Noroeste é campeã do Grupo 1 do carnaval de Santos 2018

A União Imperial, que apresentou o enredo “”N’Kisi Samba Calunga – A Saga do Meu Batuque” no último sábado (3), na Passarela do Samba Dráusio da Cruz, conquista pela nona vez o título do Carnaval de Santos. O último caneco erguido pela agremiação do Marapé foi em 1997.

A escola campeã obteve maior nota de descarte no quesito Harmonia do que a escola X-9 e, por isso, levou a melhor sobre a adversária na classificação final. A Verde e Rosa quase garantiu todas as notas máximas, exceto no quesito fantasia, no qual um dos jurados atribuiu a nota 9.9.

Confira as colocações e pontuações finais:
1° - União Imperial – 180.0

2° - X-9 – 180.0

3° - Unidos dos Morros – 179.9

4° - Amazonense – 179.5

5° - Vila Mathias – 179.1

6° - Sangue Jovem – 178.9

7° - Real Mocidade – 178.7

8° - Brasil – 178.5 (Rebaixada)

Notas
Todas as escolas foram avaliadas por 27 julgadores, sendo três responsáveis para cada um dos nove quesitos: bateria, harmonia, evolução, enredo, samba de enredo, fantasias, alegorias e adereços, mestre-sala e porta-bandeira, e comissão de frente.

Das três notas por quesito, que podem variar de 8,0 a 10,0 em contagem decimal, será sempre descartada a de menor valor. Em caso de igualdade de pontos na soma final da apuração, os critérios de desempate vão levar em consideração as notas por quesito (o grau de importância será sorteado momentos antes da apuração), maior número de notas 10, maior número de notas 9,9 e assim por diante, até se chegar a nota 8,0. Por fim, caso seja mantida a igualdade, será verificada a ausência de penalidades durante o desfile.

Desfiles
A primeira escola a desfilar na noite de sábado (3) foi a Real Mocidade. Na sequência desfilaram até a madrugada de domingo (4) as seguintes agremiações: União Imperial, Brasil, Sangue Jovem, Mocidade Amazonense, Vila Mathias, Unidos dos Morros e, por último, a atual campeã X-9.

Ao todo foram quase 10 horas de transmissão da Santa Cecília TV. Nelsinho Filho foi o narrador, com Armando Gomes, Isildo Pereira e Drika Lucena nos comentários. As reportagens foram de Carlos Lopes, Fabiano Roma, Igor Augusto e Yonny Furukawa. O #Santaportal também acompanhou tudo ao vivo direto da avenida.

Estandarte Unisanta
O Estandarte Unisanta deste ano contou com quase 10 mil votos. A União Imperial ficou com a média 10 e levou o título. A disputa premia a campeã e, também, entrega troféus para a vice e para o terceiro lugar. Os prêmios serão entregues em cerimônia cuja data ainda não foi definida.

O internauta pôde avaliar cada quesito das escolas do Grupo Especial, votando pelo hotsite especial de carnaval do #Santaportal: www.santaportal.com.br/carnaval .