Clínica de Odontologia da Unisanta concorre ao Prêmio Comunidade em Ação 2017


14 dias atrás
Por: #Santaportal - Em 11/11/2017 às 10:48
Clínica de Odontologia da Unisanta concorre ao Prêmio Comunidade em Ação 2017 Divulgação / Unisanta

UNISANTA - A partir de hoje (30) e até o dia 10 de novembro, os internautas poderão votar no projeto "Encantadores dos Sorrisos Especiais" da Clínica de Odontologia da Universidade Santa Cecília (Unisanta), que concorre ao Prêmio Comunidade em Ação 2017.

A premiação é uma iniciativa do jornal A Tribuna, em parceria com a Ultracargo. A Clínica vem sendo destaque por seus diversos serviços prestados. Desta vez, pelo atendimento especializado aos que possuem problemas físicos ou neurológicos. Para votar é só entrar no site www.atribuna.com.br/index.php?id=1147

O objetivo do Prêmio Comunidade em Ação 2017 é valorizar as ações voluntárias em benefício de causas sociais. São 15 projetos sociais escolhidas e concorreram a prêmios nas categorias: Ação Social, Esporte, Educação, Voto Popular (na internet) e Destaque. Além do voto dos internautas, haverá uma comissão julgadora de cinco pessoas. A comissão será composta por um representante de A Tribuna, um da Diocese de Santos, um do Fundo Social de Solidariedade de Santos, um da Ultracargo e um da Seduc – Santos.

Como parte da iniciativa do jornal A Tribuna, o projeto da Odonto Unisanta foi tema de uma reportagem de uma página em A Tribuna, publicada no dia 6 de setembro, e escrita pela aluna de jornalismo da Unisanta Isabel Franson.

Projeto da Clínica de Odontologia da Unisanta – Com carinho e festa para os pacientes, quinzenalmente, pessoas com necessidades especiais da Baixada Santista são atendidas gratuitamente por alunos e professores de Odonto Unisanta. O projeto começou há 12 anos, com atendimento gratuito, desde bebês até adultos.

A princípio, era feito atendimento gratuito para quem se interessasse. A coordenadora da Faculdade de Odontologia da Unisanta, Rosângela Aló Maluza Florez, explica que “imediatamente, começamos a receber pacientes de todas as cidades da Baixada Santista e do Vale do Ribeira. Alguns, contando com auxílio das prefeituras para conseguir o transporte”.

Em 2010, veio a primeira novidade: o palhaço-dentista. A Clínica tinha um paciente autista e ninguém conseguia atendê-lo. Até que o então aluno Paulo Bonavides, a cada objeto que pegava, vestia uma peça da fantasia e, enfim, conseguiu avaliá-lo. “No fim da consulta, ele percebeu que seu dentista era um palhaço completo. Ficou tão contente que me deixou atendê-lo”, relatou o palhaço-dentista em A Tribuna.

Calendário