São Paulo é derrotado pelo Atlético-MG em BH e pode voltar a zona do rebaixamento ao fim da rodada


5 dias atrás
Por: #Santaportal - Em 12/10/2017 às 00:34
São Paulo é derrotado pelo Atlético-MG em BH e pode voltar a zona do rebaixamento ao fim da rodada Rubens Chiri/Divulgação São Paulo FC

FUTEBOL - O São Paulo foi até Belo Horizonte na noite desta quarta-feira (11), mas não conseguiu sair com o resultado que esperava da capital mineira. O Tricolor foi derrotado pelo Atlético-MG, por 1 a 0, na Arena Independência, e agora corre risco de voltar para a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o São Paulo segue estacionado com 31 pontos, podendo ser ultrapassado pelos seus rivais diretos na briga contra a degola. O Galo, por sua vez, chegou aos 37 pontos e subiu para o oitavo lugar.

Os tricolores voltam a campo contra o Atlético-PR, no próximo sábado (14), às 21h, no Pacaembu, na capital paulista. Já no domingo (15), o Atlético-MG visita o Sport, na Ilha do Retiro, às 17h.

O jogo
O São Paulo sofreu para segurar o empate no primeiro tempo. Isto porque, os atleticanos foram para cima e transformaram o goleiro Sidão no grande protagonista da etapa inicial. Logo aos 13 minutos, Sidão precisou aparecer bem para segurar finalização de Robinho. No rebote, Fred perdeu a chance de colocar os donos da casa em vantagem, mesmo com o gol vazio.

Logo em seguida, aos 16, o arqueiro fez outra grande intervenção, desta vez em cabeçada de Felipe Santana. No rebote, a bola bateu em Rodrigo Caio e Sidão novamente fez grande defesa.

Aos poucos, o Tricolor acertou a marcação e conseguiu respirar. Mesmo assim, os donos da casa chegaram com Valdívia antes do intervalo, mas o goleiro são-paulino salvou novamente.

No começo do segundo tempo, o Galo foi preciso e abriu o placar. Logo aos seis, Fábio Santos cobrou pênalti sofrido por Valdívia com categoria e marcou. Os visitantes foram obrigados a irem para o campo de ataque. Lucas Pratto deu cabeçada perigosa exigindo boa defesa de Victor.

No mais, o São Paulo seguiu permitindo espaços e viu Sidão salvar o placar em duas oportunidades: na finalização de Otero dentro da área e na cabeçada à queima-roupa de Felipe Santana.

Nos minutos finais, Pratto, mais uma vez, exigiu grande defesa de Victor em cabeçada, porém o goleiro atleticano assegurou os três pontos para a sua equipe.