São Paulo sai na frente, mas permite reação da Ponte e permanece na vice-lanterna do Brasileirão


17 dias atrás
Por: #Santaportal - Em 09/09/2017 às 21:21
São Paulo sai na frente, mas permite reação da Ponte e permanece na vice-lanterna do Brasileirão Rubens Chiri/Divulgação São Paulo FC

FUTEBOL - O drama do São Paulo contra o rebaixamento do Campeonato Brasileiro ganhou mais um capítulo na noite deste sábado (9). Jogando mais uma vez com o Morumbi lotado, os comandados de Dorival Júnior cederam o empate por 2 a 2 para a Ponte Preta, mesmo saindo à frente do placar. Jucilei foi expulso no início do segundo tempo, o que dificultou a missão do time da casa, que agora completa três jogos sem vencer e segue na vice-lanterna do Brasileirão.

O Tricolor soma 24 pontos, à frente apenas do Atlético-GO, que tem 18 e ainda joga nesta rodada. O time agora tem que torcer contra os concorrentes diretos para não aumentar a diferença para o primeiro fora da zona de rebaixamento. Do outro lado, a Macaca já soma 28 pontos.

No próximo domingo (17), às 16h, o São Paulo enfrenta o Vitória, concorrente direto na luta contra a queda para a Série B, no Estádio do Barradão, em Salvador, pela 24ª rodada. Já a Ponte recebe o lanterna Atlético-GO no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, às 16h do próximo sábado (16).

O jogo
Jogando em casa, o Tricolor tentou pressionar desde o começo. Mas o primeiro gol dos mandantes só saiu após uma arrancada de Lucas Fernandes, quando Marllon acabou derrubando o adversário na entrada da grande área. Na cobrança de falta, aos 33 minutos, o meia Hernanes acertou o ângulo do goleiro Aranha, que se esticou, mas não conseguiu fazer a defesa. A bola ainda tocou no travessão antes de morrer no fundo das redes: 1 a 0.

Para o jogo dentro de casa o técnico Dorival Júnior não pode contar com Arboleda, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Contratado recentemente, Bruno Alves vinha dando conta do recado. Até que, aos 12 do segundo tempo, o estreante aproveitou um bate e rebate na grande área para subir mais alto do que o goleiro Aranha, marcando o segundo gol da partida e seu primeiro com a camisa do São Paulo.

No entanto, a partida que parecia caminhar tranquila para a equipe da casa começou a mudar quando a Macaca armou um contra-ataque e, em meio a uma confusão na grande área, a bola tocou no braço de Jucilei e o árbitro marcou a penalidade. O volante ainda foi expulso de campo. Na cobrança, o lateral Danilo Barcelos descontou aos 19 e deixou o time de Campinas mais uma vez em condições de buscar o empate.

Com um jogador a mais, a Ponte Preta pressionou de todas as formas, diante de um São Paulo completamente acuado e sem rumo. Aos 30, em uma cobrança de escanteio pelo canto esquerdo, Danilo Barcelos cobrou na linha da pequena área e Léo Gamalho subiu mais que todo mundo, tocando no cantinho de Sidão: 2 a 2.

Os visitantes ainda tiveram chances para virar, mas o empate acabou permanecendo até o apito final do árbitro. Os jogadores do São Paulo saíram vaiados de campo após mais um tropeço dentro de casa.

Calendário