Após empate contra Nacional-SP, Ricardinho justifica jejum e enaltece esforço de jogadores


27 dias atrás
Por: Camilla Aloi/Colaboradora - Em 28/08/2017 às 16:19
Após empate contra Nacional-SP, Ricardinho justifica jejum e enaltece esforço de jogadores Camilla Aloi/#Santaportal

FUTEBOL - Com o empate sem gols diante do Nacional-SP neste domingo (27), no Estádio Ulrico Mursa, a Portuguesa Santista manteve seu jejum de vitórias. Faltando quatro rodadas para o término da primeira fase da Copa Paulista, a Briosa não conseguiu vencer uma partida sequer no campeonato. Para o técnico Ricardinho, além de já ter um plantel reduzido, os constantes desfalques de jogadores por lesões tem sido um dos problemas que tem atrapalhado a equipe na busca pelo primeiro triunfo.

Nesta rodada, o treinador não pôde contar com o centroavante Washington e o lateral-direito Vinícius Barba, ambos lesionados. Lucas Lino também foi ausência no confronto, pois cumpriu suspensão automática.

“Desfalque é sempre um problema, principalmente em relação aos jogadores titulares que estavam em bom momento. Se a gente for analisar o início do campeonato e agora nós temos no máximo 18 atletas à disposição. Então, é uma dificuldade para montar o time. Jogamos com a maioria dos jogadores improvisado", disse o comandante rubro-verde, justificando o empate, em entrevista coletiva após o duelo.

O comandante ainda fez questão de exaltar o esforço e comprometimento de alguns jogadores, que mesmo lesionados, entraram em campo.

"Eu só tenho a agradecer o pessoal que foi a campo, uns lesionados, como é o caso do Fernando e do Pedrão. E é essa a postura do atleta que quer vencer na vida tem que ter, porque você ir para uma partida lesionado, é complicado. E tudo isso ninguém vê. Futebol é só cobrança”, enalteceu Ricardinho.

Vale lembrar que a Portuguesa Santista está praticamente eliminada da Copa Paulista. Somente uma combinação de resultados e vencendo todas próximas quatro partidas que a Briosa poderá chegar à próxima fase. Mesmo as chances sendo mínimas, o técnico garante que o time vai encarar todos os últimos compromissos da mesma forma, com profissionalismo e dedicação, brigando até o fim pelos seus objetivos no torneio.

“Acho que no futebol, você tem que ser profissional. Aqui não existe cumprir tabela, porque a gente está dentro de um campeonato. Acho que se fosse só para cumprir tabela, nós nem entraríamos no campeonato. Então, isso para a gente não existe. Vamos jogar sempre em busca de vitória. O atleta, que é profissional, tem que pensar em título, em vitórias. Então, nosso objetivo sempre será esse. Independente da situação na competição. A gente está aqui, mesmo com o elenco reduzido e com atletas lesionados, a gente vai sempre entrar para vencer", encerrou Ricardinho.

Calendário