Condenada pela morte dos pais, Suzane deixa prisão para saída temporária do Dia das Mães


102 dias atrás
Por: #Santaportal - Em 12/05/2017 às 17:12
Condenada pela morte dos pais, Suzane deixa prisão para saída temporária do Dia das Mães Arquivo

TREMEMBÉ - Condenada há 39 anos pela morte dos pais, a detenta Suzane von Richthofen, de 33 anos, recebeu o benefício da saída temporária no Dia das Mães. Suzane deixou a Penitenciária Feminina Santa Maria Eufrásia Pelletier, em Tremembé, no Vale do Paraíba, por volta das 8h da manhã desta sexta-feira (12). Do lado de fora do presídio, o namorado dela, Rogério Olberg, de 38 anos, aguardava a sua saída.

O benefício da saída temporária é concedido para presos do regime semiaberto, que apresentam bom comportamento aos olhos da Justiça. Com isso, Suzane von Richthofen teve o seu pedido acatado. Ela deve passar o Dia das Mães ao lado do namorado e da família dele, em Angatuba, também no interior paulista. Seu retorno está marcado para a próxima quarta-feira (17).

Suzane foi condenada em 2006 pela morte dos pais Manfred e Marísia von Richthofen, casal assassinado pelos irmãos Daniel e Cristian Cravinhos a mando dela.

Esta é a terceira saída temporária que Suzane von Richthofen recebe da Justiça. No ano passado, ela também deixou a prisão na Páscoa e no Dia das Mães.