Ano de 2019 foi o segundo mais quente do mundo Ano de 2019 foi o segundo mais quente do mundo

Ano de 2019 foi o segundo mais quente do mundo

CLIMA - O ano de 2019 foi o segundo mais quente da história, de acordo com o Serviço de Mudanças Climáticas da União Europeia. A segunda década do século 21 foi a mais quente desde o início dos registros. Os dados divulgados pelo Copernicus Climate Change Service mostram que as temperaturas mundiais em 2019 ficaram abaixo das de 2016.

Já em um recorte por continente, 2019 foi o ano mais quente na Europa desde o início do registro de dados. "Os últimos cinco anos foram os mais quentes já registrados e a última década foi a mais quente já registrada", afirmou Jean-Noel Thepaut, diretor do centro Copernicus, citado pela AFP.

As temperaturas gerais em 2019 ficaram 0,6 graus Celsius (°C) mais quentes que a média de 1981 a 2010 e a temperatura da Terra, nos últimos cinco anos aumentou entre 1,1°C e 1,2°C do que no período pré-industrial. O Copernicus Climate Change Service afirma que as concentrações atmosféricas de carbono continuam aumentando, tendo atingido os seus níveis mais altos, no ano passado.

O aumento da temperatura acontece um ano depois que as Nações Unidas afirmaram que as emissões de gases de efeito estufa precisavam cair cerca de 7,6% a cada ano, até 2030, com o objetivo de limitar o aumento das temperaturas para 1,5°C.

 

 

Leia Mais
  • Publicado por: Ano de 2019 foi o segundo mais quente do mundo
  • Postado em: quarta-feira, 08 jan 2020 14:54
Divulgação Divulgação

Cientista garante que asteróide vai colidir com a Terra. "100% de certeza"

ASTERÓIDE - Não é tão incomum assim um asteróide passar perto da Terra, em episódios sempre muito noticiados pela imprensa e sem grandes problemas para nosso planeta. Mas a cientista Danica Remy, presidente da B612 Foundation, deu uma declaração que vai deixar os mais sensíveis bem preocupados: a pergunta que deve ser feita não é "se" um asteroide vai atingir a Terra, mas "quando".

Em entrevista ao canal NBC News, dos Estados Unidos, Danica garante que tal episódio vai acontecer, só não se sabe precisamente quando. Mas ela tratou de acalmar as pessoas, garantindo que, com a tecnologia atual, é possível prever o episódio com grande antecedência.

O grande perigo, segundo ela, não são os grandes asteróides, fáceis de identificar, mas os pequenos corpos celestes, que podem provocar acidentes que teriam um impacto maior e poderiam afetar, de forma global, as telecomunicações, o transporte e também o clima.

O último perigo do gênero aconteceu na semana passada, quando um asteróide gigante passou bem perto (em critérios espaciais) da Terra. De acordo com a Nasa, o objeto tinha mais de 600 metros de diâmetro e viajava a 16,7 mil quilômetros por hora. Ele "deu uma fina" na Terra, passando a 7,4 milhões de quilômetros de distância do planeta.

 

 

Leia Mais
  • Publicado por: Gustavo Klein
  • Postado em: quarta-feira, 14 ago 2019 11:01
Reprodução/EPA Reprodução/EPA

Usuário vai poder escolher se quer ou não entrar em grupos no WhatsApp

A nova regra de privacidade do WhatsApp para a entrada em grupos começou a valer a partir desta quarta-feira (3). Com a atualização do aplicativo nos sistema Android ou iOS, o internauta vai poder decidir se quer ou não entrar em determinado grupo.

Outra nova função do aplicativo é que você poderá decidir se apenas contatos já salvos na sua agenda telefônica poderão adicioná-lo.

Para ativar essas novas funções, o usuário terá que ir ao campo “Configurações” no aplicativo. A opção “ninguém” será para aprovar as solicitações, enquanto “Meus contatos” terá a utilidade de pré-aprovar a agenda de contatos. Quem quiser incluir um telefone novo em um grupo terá que mandar uma mensagem privada para o contato. O convite deverá ser respondido em até três dias.

Por outro lado, a opção “todos” mantém o aplicativo funcionando como ele é atualmente.

 

 

Leia Mais
  • Publicado por: Redação #Santaportal
  • Postado em: quarta-feira, 03 abr 2019 17:50Atualizado em: quarta-feira, 03 abr 2019 17:50
Reprodução/ANSA Reprodução/ANSA

Apple lança 3 novos modelos de iPhone em evento nos EUA

A Apple apresentou na tarde desta quarta-feira (12) seus três novos modelos de iPhone, além do Apple Watch Series 4. Os nomes dos novos aparelhos são: "iPhone XS, iPhone X Max e iPhone XR. Como ocorre anualmente, o evento nos Estados Unidos, apresentado pelo CEO da empresa, Tim Cook, pode ser acompanhado ao vivo pela página oficial da marca.

"O iPhone XS é o mais avançado aparelho que já criamos", explicou o executivo. Os dois modelos mais sofisticados contam com telas de 6,5 e 5,8 polegadas e um display OLED, "super retina". Além disso, eles estão disponíveis nas opções com 64, 256 ou 512GB de armazenamento interno. O iPhone XS ainda possui reconhecimento facial melhor "graças a um algoritmo mais veloz" e o mais seguro do que qualquer outro smartphone. “O produto ainda é a prova d'água", acrescentou Philip Schiller, vice-presidente de marketing da Apple.

O dispositivo funciona com um chip A12 Bionic, desenhado especialmente para o iPhone. Sua bateria vai consumir menos energia, o que aumentará a duração para mais de 30 minutos, enquanto que a do iPhone XS Max durará mais de 90 minutos. A estimativa é que o preço seja US$1.099 para o iPhone XS MAX e de US$999 para o modelo XS. Já o iPhone Xr custará cerca de US$ 749.

O terceiro modelo é esperado com tela de 6,1 polegadas e poderá ser chamado também de iPhone XR. Ele terá um grande display e deve usar tecnológica de LCD de baixo custo. Um novo smartwatch também foi lançado com uma função adicional de detecção de queda e eletrodos capazes de detectar batimentos cardíacos irregulares. 

 

 

Leia Mais
  • Publicado por: Redação #Santaportal, com informações da Agência ANSA
  • Postado em: quarta-feira, 12 set 2018 17:53
  • Apple   3 novos modelos   iPhone   
Divulgação Divulgação

Usuário do Uber vai poder chamar a polícia pelo aplicativo em caso de perigo

TECNOLOGIA - Segurança é sempre uma grande preocupação de quem usa aplicativos de transporte como Uber, Cabify, 99 etc. Por isso mesmo, as empresas que oferecem o serviço têm criado estratégias para aumentar a sensação de segurança do usuário.

Um recurso implementado há pouco tempo pelo Uber e que já estava funcionando há meses nos Estados Unidos e em outros países chega hoje ao Brasil: um botão de segurança, em forma de escudo, que permite ao usuário compartilhar de forma mais fácil sua viagem, acionar a empresa ou mesmo avisar a polícia de que está em perigo. Nos próximos meses os motoristas também terão acesso à novidade.

 

 

Leia Mais
  • Publicado por: Gustavo Klein
  • Postado em: quinta-feira, 26 jul 2018 14:22
      Página Posterior >>
Sobre
Todos os lançamentos de gadgets. Os novos celulares. Os games mais recentes para celulares, computadores e consoles de videogames. A cada semana fazemos análise de um app novo. Também aqui você encontra as notícias mais recentes sobre ciências.