Pixabay Pixabay

Você quer manter o peso nas festas de final de ano? É possível... vem comigo!

Você pode achar que o grande vilão das inúmeras confraternizações de final de ano e as festas em si é a quantidade de comida que se consome, não é? Pois é, ajuda, mas não é não, é a bebida alcóolica ingerida e tudo o que ela trás agregado que detém este troféu.

Só para iniciar nosso assunto da semana e para os mais curiosos, aqui está o link de tabela de calorias dos principais drinks e bebidas consumidas: https://www.tabeladecalorias.net/alimento/bebidas-alcoolicas.

Olhando a tabela do link acima, pode-se pensar: - nem é tanta caloria assim, contudo, em geral não se toma apenas um copo de cerveja, uma taça de vinho ou um drink. Somando tudo, vai ficar uma conta bem alta de calorias consumidas. Sem falar que quando se bebe, em geral, se consome batatas fritas, pastelzinho, os famosos “belisquetes”. Esta conta vai ficar bem alta! Nem correr uma maratona vai empatar esta conta para que não engorde ao final das festas.

Sim, você pode manter seu peso! Já dizia o ex-presidente Obama: Yes, we can! Não pare de ler ainda, continua aqui para decidir o que fazer. Vou dar mais alguns argumentos para a decisão. Vamos em frente:

Você sabia que a bebida alcóolica tem uma quantidade de calorias chamada vazia? Ela não tem nenhum nutriente positivo e essencial à nossa sobrevivência, como proteína, carboidrato ou gordura. Tá engordando e perdendo a saúde à toa, sério? Imagino que a cabeça esteja neste ponto: - mas é tão bom beber! Solta, relaxa, tira timidez, faz bem para a alma... Vou beber. Está decidido, pronto! Está bem, é normal, mas continua um pouquinho mais para conhecer sobre o efeito das bebidas no nosso corpo.

Você sabe dos inúmeros efeitos negativos de se consumir bebidas? Eu te falo: Diminui o metabolismo, prejudica a absorção dos nutrientes ingeridos, sobrecarrega os rins e o intestino, baixa a imunidade, desidrata, provoca inchaço, ela se gruda com a gordura impedindo a queima da mesma e no dia seguinte deixa uma grande indisposição e uma ressaca, que em última análise, atrapalhará sua atividade física e mental.

Quando o álcool é metabolizado pelo fígado libera-se uma toxina e, desta maneira, a prioridade do corpo passa a ser metabolizar o álcool, deixando para depois as gorduras e os carboidratos ingeridos. Está entendendo o que acontece? O organismo está armazenando a gordura e se toda esta caloria, que virou gordura (principalmente no fígado, o que é muito ruim), não for gasta com atividades físicas para equilibrar a balança calórica, que já falamos em postagens anteriores, haverá um aumento de peso.

No entanto, se isto não convenceu e vai beber mesmo e sabemos, cá entre nós, que é praticamente impossível não se beber nesta época vai, o jeito é dar algumas dicas para diminuir os efeitos ruins que o consumo do álcool trás, vamos a elas:

1. Faça um planejamento de quanto vai beber e o que irá comer e siga o plano, fique firme, não abuse;

2. Evite comer frituras. Como disse, o álcool vai reter esta gordura e não será nada bom, não mesmo;

3. Dê preferência a comer proteínas durante o dia que irá beber. A bebida causa um CATABOLISMO, que é a quebra de nutrientes da proteína para obter energia, isto quer dizer que sua massa magra está sendo usada para digerir o consumo do álcool (Gordura em detrimento da massa magra – flacidez, celulite, barriga, etc, etc, etc);

4. Como a bebida causa desidratação, comece tomando água, e entre uma bebida e outra beba água, muita água;

5. Evite querer ser “o mais popular”, fique na sua e pense na sua saúde, no seu dia seguinte, no seu projeto de vida com qualidade, e pense se vale a pena beber muito e comer exageradamente;

6. Não quer pagar mico com os amigos, sendo o “certinho”? Deixe o copo de bebida cheio e enfeitando a mesa, brinde com alegria e se hidrate com água, ninguém nem vai perceber e você ficará ótimo.

Caso eu tenha conseguido fazer você questionar sobre se vai beber, ou o quanto vai beber, e, principalmente, se chegou até aqui lendo tudo isto eu proponho algo novo, faça algo diferente este ano, brinde e celebre a vida com água. Ela pode ser apenas gelada, com gelo e limão, com folhas de hortelã, com gengibre e limão. Há tantas maneiras refrescantes, picantes e saborosas. Isto será uma verdadeira virada, uma grande resolução de amor próprio e espiritualidade. É difícil, mas possível, pelo menos não exagerar, é totalmente possível!

A escolha sempre pode ser feita! Eu já faço a minha há muitos anos, e não vou mentir. Eu bebo vinho, não gosto de outra bebida, mas como fico logo zonza, uma taça é onde fico para poder curtir tudo e não falar bobagens e me tornar desagradável com minha “sinceridade” liberada pelo efeito que o álcool causa em mim e bebo água até sair pelas orelhas. Depois durmo como um anjinho e sem aumentar meu peso e perder minha massa magra, que na altura dos 56 anos já é quase um pote de ouro no fim do arco-íris.

Aproveitem com juízo um abraço apertado e até a semana que vem.


blog201912163933573.JPG

 

 

Comentários (0)

Enviar Comentário
     
Sobre
Muito mais importante do que remediar é prevenir. Em saúde, este assunto é ainda mais importante. Aqui neste espaço você vai encontrar textos de gente que entende do assunto e promoção de uma vida saudável, no corpo e na mente.