NÍCOLAS SCHUKKEL / PREFEITURA DE ITANHAÉM NÍCOLAS SCHUKKEL / PREFEITURA DE ITANHAÉM

Mulheres de areia: a novela que projetou Itanhaém

Uma das novelas de maior sucesso na teledramaturgia brasileira foi exibida em duas versões, a primeira pela extinta TV Tupi, em 1973 e a segunda, pela Rede Globo, em 1993. O sucesso foi tamanho que a novela foi reprisada mais duas vezes pela Globo, em 1996 e 2011, e uma vez pelo Canal Viva, em 2016. Estou falando de Mulheres de Areia.

Certamente você conhece essa história.

Foi a primeira versão dela que criou uma conexão importante com a Baixada Santista, projetando Itanhaém para todo o Brasil e atraindo turistas para a cidade até os dias de hoje. As cenas do núcleo de pescadores da novela, do qual faziam parte as gêmeas Ruth e Raquel (Eva Wilma), o escultor Tonho da Lua (Gianfrancesco Guarnieri), além de Marcos Assunção (Carlos Zara) e muitos outros personagens, eram gravadas na Praia dos Pescadores, em Itanhaém.

As mulheres de areia esculpidas por Tonho da Lua, apaixonado por uma das gêmeas, a ‘Rutinha’, eram, na verdade, criadas pelo artista plástico Serafim Gonzalez, que também atuava na novela, como Alemão.

MULHERES DE AREIA EM ITANHAÉM
As gravações agitaram Itanhaém por quase um ano e mudaram a vida da cidade e a rotina dos moradores, que acolheram a novela e os atores. Muitos pescadores atuavam como figurantes nas cenas em que os barcos saíam para o mar, pois a direção aproveitava a rotina da praia, que, verdadeiramente, era um reduto de pescadores.

Ao final das gravações, em 1975, Serafim Gonzalez presenteou a cidade com uma escultura similar às que ele produzia para a novela, mas em concreto, que foi instalada nas pedras da Praia dos Pescadores, em frente à Ilha das Cabras.

Mais tarde, a escultura foi substituída por uma feita em fibra, pelo filho do autor original, Daniel Gonzalez, e em 2014 foi restaurada para coibir a ação degenerativa. Está lá, firme e forte, representando um importante momento na história da cidade, um dos principais atrativos turísticos de Itanhaém.

DÊ UM PULINHO LÁ
Quem quiser visitar o monumento e relembrar as Mulheres de Areia pode ir até a Praia dos Pescadores e tentar descobrir se ela se trata da Rutinha, que era boa, ou da Raquel, que era má.

Leia mais curiosidades e acompanhe a programação cultural e turística da Baixada Santista no portal da Revista Nove (www.revistanove.com.br).

blog20202191753353.jfif

 

 

  • Publicado por: Diego Brígido
  • Postado em: quarta-feira, 19 fev 2020 09:15

Comentários (0)

Enviar Comentário
     
Sobre
Turismo, cultura, entretenimento, gastronomia e muito mais. Tudo isso, você vai encontrar no Blog Por aí, com Diego Brígido. O jornalista e editor da Revista Nove e do Guia Comer & Beber traz o melhor da programação da Baixada Santista, com dicas de roteiros turísticos, agenda cultural e novidades no entretenimento local.