Divulgação/Coritiba Foot Ball Club Divulgação/Coritiba Foot Ball Club

Armando Gomes estreia blog no Santaportal com este furo de notícia: Atlético-PR x Santos será no Couto Pereira!!

Olá, amigos do #Santaportal! Atendendo a convocação da direção do Sistema Santa Cecília de Comunicação estamos iniciando esse Blog do Manduca. Neste espaço, vamos durante todo o dia e conectados na internet trazer para você as notícias mais quentes do esporte regional, em especial do futebol e do nosso Santos Futebol Clube.

Ao longo do dia serão várias atualizações o que obriga você leitor a acessar mais cotidianamente do que hoje ao #Santaportal. No Blog do Manduca, a informação é de primeira e em primeira. E vocês finalmente conhecerão a diferença de Jornalista de Informação para jornalista de Rede Social. Aqui é informação de qualidade!

Há muita desinformação saindo na mídia quanto ao jogo Atlético-PR e Santos FC pelas oitavas de final da Copa Libertadores da América 2017, marcado para o próximo dia 5. Tudo porque a Arena da Baixada é sede da Liga Mundial de Voleibol na data da partida, em contrato assinado antes da tabela da principal competição da bola americana ser divulgada.

O Furacão quis alugar o Estádio Couto Pereira para resolver a questão e chegou a firmar um contrato com o Coritiba pra isso. Afinal são os dois únicos estádios de Curitiba com capacidade superior a 20 mil ingressos, exigência da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) para esta fase da competição. Mas, após sofrer pressão dos associados coxa-branca, o presidente do Coritiba, Rogério Portugal Baccellar, diz que não cumprirá o acordo outrora firmado, e ainda inventou uma troca de grama.

Com isso, a direção do Atlético-PR começou a conversar com o Paraná Clube pra usar a Vila Capanema, que tem um laudo de Avaliação de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB) para 20.083 lugares, mas que por segurança são só comercializados 16.772 lugares (situação similar a do Estádio Urbano Caldeira).

A fim de esclarecer vocês e ao público busquei informações junto a advogados e dirigentes com muita experiência em Conmebol e profundo conhecimento dos acordos vigentes entre os clubes do continente. Todos foram unanimes em afirmar que, caso a Conmebol determine, o jogo terá que ser mesmo no Couto Pereira, goste o Coritiba ou não.

A Conmebol pode requisitar qualquer estádio dos filiados para realizar suas partidas. O não cumprimento desse acordo pode gerar punições ao Coritiba. Pode chegar ao absurdo da desfiliação do Coritiba junto à Conmebol e por consequente à FIFA, o que impediria a continuidade da equipe no próprio Campeonato Brasileiro.

Esses advogados e dirigentes pediram para que eu preservasse seus nomes e assim o farei como boas fontes que eles são e pediram porque podem ser convocados a qualquer momento pelos envolvidos a atuar no caso.

Mas os amigos leitores vão dizer: “O Manduca virou um idiota, o Coritiba dá a desculpa do gramado e a Conmebol engole. Afinal, brasileiro quer se dar bem em tudo, certo?”. Mas a famosa Lei de Gérson em Curitiba é perigosa. A rivalidade lá é muito intensa e os torcedores do Furacão irão providenciar imagens que podem comprovar que nada foi feito no gramado só pra encerrar as atividades do clube adversário.

E mais, o diretor de Comunicação da Conmebol, Miguel Angelo Ortiz, já divulgou na tarde desta segunda-feira (26/06/2017) que o confronto será no Estádio do Coritiba. Ou seja, pra direção do futebol sul-americano a decisão está tomada. Aguardemos se no balanço das horas as coisas mudam. Mas eu acredito que o Furacão conseguirá invadir a arena coxa-branca.

Peixe e Furacão já duelaram antes na Libertadores
Vale lembrar que a partida é encarada com muito anseio pela torcida santista. Afinal, nas quartas-de-final da Libertadores de 2005, o Santos FC, dirigido pelo técnico Alexandre Gallo, acabou eliminado do torneio pelo Furacão em duas partidas polêmicas. Na primeira, em Curitiba, o Atlético venceu por 3 a 2, na partida que marcou negativamente a estreia do goleiro colombiano Henao (campeão da Libertadores 2004 pelo Once Caldas) na meta santista.

No jogo de volta, sem Robinho e Léo convocados por Carlos Alberto Parreira para a Copa das Confederações daquele ano, derrota na Vila por 2 a 0 com dois pênaltis não marcados por Carlos Eugênio Simon e a proibição da Conmebol da estreia de Giovanni que voltará pra Vila na expectativa dessa partida.

Desde então, jogar com o Atlético-PR virou rivalidade e a torcida do Peixe pode ser tudo, menos sem memória. Afinal, foi presenteada pelas maiores pinturas deste desporto por figuras como Dorval, Mengálvio, Coutinho, Pelé e Pepe, entre outros.

Lusa em declínio
Finalizando o post: que pena o estado da Portuguesa de Desportos. Sugiro ao nosso amigo Lupércio Conde, que está erguendo as duras penas e com muito trabalho a Briosa, a subir a Serra e ajudar o clube da Capital também!
Deus Existe!

 

 

  • Publicado por: Armando Gomes
  • Postado em: segunda-feira, 26 jun 2017 22:36Altualizado em: terça-feira, 27 jun 2017 17:02

Comentários (2)

Enviar Comentário

Ubirajara Cortez

• 27/06/2017 16:10

Blog do Manduca
Vamos torcer para o nosso PEIXÃO

Vasco Vieira

• 27/06/2017 11:14

Parabéns
Muito bom ver o Manduca blogando! Parabéns ao amigo Armando Gomes

     
Sobre
As notícias mais quentes do esporte da Baixada Santista feitas por quem entende do assunto: Armando Gomes, o Manduca, apresentador do Esporte por Esporte, da Santa Cecília TV. Tudo sobre Santos Futebol Clube você encontra aqui, no Blog do Manduca!